Caso Protógenes: Dois pesos, duas medidas – Não se faz Justiça assim 

Caso Protógenes: Dois pesos, duas medidas – Não se faz Justiça assim

Caso Protógenes: Dois pesos, duas medidas – Não se faz Justiça assim

A Comissão Política Nacional do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) divulgou nesta quarta-feira (22) uma nota em apoio ao deputado federal Protógenes Queiroz, do PCdoB de São Paulo, que foi punido na última terça-feira pelo Supremo Tribunal Federal por suposta “fraude” durante investigação no Caso Satiagraha.

O Partido também afirma causar estranheza a severa punição dada a Protógenes. “Causa indignação a utilização de dois pesos, duas medidas com que a Justiça lida no país com a falta de republicanismo nos inquéritos e, pior ainda, a impunidade ainda reinante, como nos fatos graves evidenciados pela Operação Satiagraha. Não se faz justiça assim”, diz a Comissão Política Nacional do PCdoB.

Leia abaixo a íntegra da nota:

Dois pesos, duas medidas – Não se faz Justiça assim

O julgamento do deputado Protógenes Queiroz, do PCdoB, na tarde de ontem, pelo Supremo Tribunal Federal, causa estranheza e preocupação.

A sentença condenou-o à prestação de serviços comunitários por dois anos e meio e proibição de sair de casa aos fins de semana, mais multa, e a ela acresceu-se a perda de cargo funcional de delegado da Polícia Federal. Ao mesmo tempo, inclui a indicação à Câmara dos Deputados para que seja instaurado um processo de cassação do mandato parlamentar conquistado nas urnas em 2010, como decorrência da perda de direitos políticos. Na acusação feita pelo Ministério Público Federal de que houve fraude processual quando foi revelado um vídeo em que dois intermediários do banqueiro Daniel Dantas tentaram subornar um delegado da PF, Protógenes Queiroz foi inocentado.

Os fatos que deram origem ao processo contra Protógenes Queiroz não pertencem à esfera da ação político-partidária, como deputado, e sim à condição de delegado da PF, condutor da notória Operação Satiagraha, em 2008, que evidenciou negócios criminosos do banqueiro Daniel Dantas.

A estranheza advém da severíssima e desproporcional pena, em meio a uma realidade amplamente imperante no país, de reiterados e constantes vazamentos em inquéritos promovidos pela Polícia Federal e mesmo pelos Ministérios Públicos, que são seletivamente utilizados com arma política em ligação com setores da mídia.

Em contraste com isso, motivando ampla preocupação, o fato é que o principal acusado na Operação Satiagraha, o banqueiro poderoso Daniel Dantas, está impune até hoje. Ao contrário, é pública e notória a ampla perseguição de que o delegado vem sendo alvo, pelos interesses que contrariou e, mesmo, por setores da Justiça Federal de São Paulo que afrontou.

Causa indignação a utilização de dois pesos, duas medidas com que a Justiça lida no país com a falta de republicanismo nos inquéritos e, pior ainda, a impunidade ainda reinante, como nos fatos graves evidenciados pela Operação Satiagraha. Não se faz justiça assim.

Por essas razões, o deputado conta com o apoio e solidariedade de seu partido, o PCdoB, bem como da sua bancada parlamentar, para todas as medidas de recurso cabíveis da decisão proferida pelo STF, e a firme defesa de seu mandato, cujo término está previsto para o dia 1º de fevereiro de 2015.

São Paulo, 22 de outubro de 2014

A Comissão Política Nacional
FONTE: http://www.vermelho.org.br/noticia/251946-1

About the author: Protógenes Queiroz

Advogado (desde 1984) Procurador-Geral Municipal- SG/RJ (1989/1992) Delegado de Polícia Federal (1998/2015) Deputado Federal ( 2011/2015) Professor Universitário (desde 1988)

13 Respostas para Caso Protógenes: Dois pesos, duas medidas – Não se faz Justiça assim

  1. Naldi

    Uma vergonha, cada vez mais difícil ser honesto no Brasil.

     
  2. Laila Fernandes

    Olha sinceramente, com a impunidade que vem acontecendo no Brasil, especialmente ao que se refere aos chamados “bandidos de colarinho branco”, eu não me espanto.
    Infelizmente, todos os três poderes estão em “crise ética e de valores”. Bandidos no Brasil se fazem arautos da “verdade”.
    Estou tremendamente decepcionada com o judiciário brasileiro, em todas as esferas. Decepcionada!
    Protógenes, força! Você não está sozinho! Nós os verdadeiros trabalhadores brasileiros estamos torcendo por você!!! E, é essa luta de poucos, mas de valiosos, que fazem ainda o bem prevalecer sobre o mal!

    “Embora o sopro ardente da calúnia
    Crestasse os sonhos meus
    Nunca descri do bem e da justiça
    Nunca descri de Deus…”

    Luis Vaz de Camões

     
  3. ADDA VIRGINIA VALADARES

    Infelizmente não há ética e nem coerência em nosso judiciário. Ou oramos muito e lutamos por nossos direitos ou vamos `a guerra por um pais melhor!

     
  4. Raquel Barsoti

    E a gente fica cada vez envergonhada de estar vivendo num país onde o que predomina é´a impunidade e a corrupção….

     
  5. Aguiar Árbio (Aguiar Vila Nova

    De tanto ver prosperar a injustiça, de tanto ver os justos sendo condenados pelo Poder Judiciária e os criminosos manterem-se impunes, de tanto ver à calunia prosperar e a mentira subir no pedestal mais alto desta nação; eu chego a perde total esperança no STF e a acreditar que a verdade foi a muito foi destruida no Brasil.

     
  6. pedro dos santos carnauba

    Como um cidadão comum como eu estou vendo essa injustiça?Deu um lado um monte de delegados federais vazando informações sigilosas de uma Pseudo delação premiada, e nada fizeram contra isso, e de outro lado o delegado Protógenes conduziu uma operação que levou a descobrir as falcatruas de um todo poderoso Daniel Dantas e ai não pode, o que está por trás desta decisão da justiça, é no mínimo extranho!

     
  7. José Carlos Machado da Silva

    O Supremo cada vez mais se torna refém da turma do PSDB, Daniel Dantas um dos chefoes deste partido, continua livre, leve e solto e Protogenes é punido, se fosse em outro país onde a justiça é levada a sério, este deputado ou policial receberia uma estátua pelos bons servicis, precisamos fazer uma campanha para defender este excelente pilicial federal.

     
  8. José Carlos Machado da Silva

    Se pudesse indicaria a Presidente Dilma, Protogenes como Ministro da Justiça, além de conhecer bem a Policia Federal, conhece bem os políticos, certos politicos do PSDB iriam tremer.

     
  9. Mariza Freire

    O que estamos presenciando é um descalabro total, uma total inversão de valores. Ao Deputado Protógenes o meu total apoio. O Congresso precisa de homens como o Sr. capazes de afrontar interesses egocentricos a favor da coletividade. Lamento que hoje em dia os arautos da “verdade” estejam a favor de pessoas como o nosso ex-narco-candidato, e seus interesses espúrios de vender e dilapidar o país, contando com o apoio do judiciario. Espere, Sr. Deputado, ja diziam os antigos, que nada como um dia após o outro.

     
  10. Mari

    Há muito tempo o crime já venceu nesse país. Uma vergonha.

     
  11. Rosangela Schroeder Ferri

    Isso só confirma pra mim, que como brasileiros estamos à deriva e sem nenhum dos nossos três poderes(muito bem pagos por nós.._sendo confiável: Nem o executivo, nem Legislativo, e o Judiciário que era nossa esperança, descobrimos aos poucos que é o mais terrível dos três, pois tem o “poder da lei(?) à seu favor!….É, a classe trabalhadora ainda vai ter que sofrer muito mais pra “acordar”, pelo jeito…

     
  12. cello alves

    Dois pesos e duas medidas e tudo!!o juiz Moro ta sendo endeuzado por parte da mídia golpista!!ele vazou áudio de uma investigação cercada por delação premiada!!e teve o apoio do Mendes do STF que ajudou a condenar o delegado, que tem sido oposicão desde a operação ter sido deflagrada!!!, força Dr. Protógenes!! a justiça vai aparecer!!

     
  13. José Guimarães Martinez

    A nossa justiça é toda elitista, salvo raríssimas excessões, pois é sabido, que a grande maioria da justiça, seus membros, nasceram em berço de ouro, ou são filhinhos de papai, ela existe,, para manter os ricos, poderosos, elites e detentores de algum poder, SOLTOS e MANTEREM PRESOS, os pobres, negros e os menos afortunados na vida…ainda bem, que desde 2003, com os governos LULA e DILMA, teremos um judiciário, recheado de PESSOAS, DAS CLASSES MENOS FAVORECIDAS, TAIS COMO juízes, defensores, promotores, desembargadores, e ministros do Supremo, oriundos de pais faxineiros pedreiros, serventes etc, que certamente modificarão a visão da nossa justiça no futuro…

     

Adicionar um comentário


Últimas Notícias

Protógenes Queiroz fala sobre o atentado contra a vida de Jair Messias Bolsonaro no dia 06/09/2018.

Protógenes Queiroz fala sobre o atentado contra a vida de Jair Messias Bolsonaro no dia 06/09/2018.

Dep. Federal Cabo Daciolo denuncia fraude nas urnas eletrônicas.

FRAUDE NAS URNAS ELETRÔNICAS ANISTIA AO DELEGADO DA POLÍCIA FEDERAL, PROTÓGENES QUEIROZ. “…Não há nada escondido que não venha ...

Manifestação em apoio a Protógenes Queiroz

Manifestação em apoio a Protógenes Queiroz Dia: 17/02/2018 às 09h. Local: Viaduto do Chá, São Paulo – SP. Juntos ...

Facebook
Twitter