Ex-delegado da PF Protógenes Queiroz tem prisão revogada 

Protógenes Queiroz (Beto Oliveira/Agência Câmara/VEJA)

Protógenes está na Suíça e alega sofrer perseguição e ameaças

Por Ernesto Neves

O ex-delegado da Polícia Federal e ex-deputado federal Protógenes Queiroz teve revogada pela segunda vez a ordem de prisão decretada pela juíza Andréia Sarney, da 1ª Vara Criminal Federal de São Paulo.

A decisão foi tomada na tarde desta quarta (28), pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região, em São Paulo, após defesa feita pelo advogado de defesa Adib Abdouni.

Votaram pela revogação da ordem de prisão o desembargador federal Paulo Fontes e a juíza federal convocada Marcele Carvalho. Foi voto vencido o relator, juiz federal André Neclateschalov.

Protógenes está na Suíça e alega sofrer perseguição e ameaças.

Em 2008, ele comandou a Operação Satiagraha, que investigou crimes financeiros que levariam à prisão do banqueiro Daniel Dantas e do ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta.

Fonte: http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/ex-delegado-da-pf-protogenes-queiroz-tem-prisao-revogada/
Acessado em 28/06/2017 às 20H00

About the author: Protógenes Queiroz

Advogado (desde 1984) Procurador-Geral Municipal- SG/RJ (1989/1992) Delegado de Polícia Federal (1998/2015) Deputado Federal ( 2011/2015) Professor Universitário (desde 1988)

2 Respostas para Ex-delegado da PF Protógenes Queiroz tem prisão revogada

  1. José Jasper

    Comentários da Folha de SP dia 29/6/17:

    Mônica Bergamo > Justiça decreta prisão de Protógenes Queiroz, ex-delegado da PF

    Comente este texto Voltar
    Leia Mais

    Justiça decreta prisão de Protógenes Queiroz, ex-delegado da PF
    amarildo caetano 31/03/2017 15h12 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 2 1
    A nossa democracia morreu tão jovem.Temos governantes ,juízes e policiais autoritários. Bandido solto e delegado condenado,tendo que pedir exílio. A história se repete como farsa.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    antonio luis 31/03/2017 13h44 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 4 1
    Sempre o Gilmar, que coisa……..
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Mucio Ricardo Caleiro Acerbi 31/03/2017 13h18 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 2 2
    Pelos comentários antecedentes percebe-se o quão sábios são os brasileiros defensores do autoritarismo. Se o delegado (ex) foi condenado por ter praticado ilícito, e com trânsito em julgado pela Justiça, quer dizer que todos estão a serviço do PSDB, do M. Gilmar? Façam um favor, arrumem outro argumento.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Julio Shiogi Honjo 31/03/2017 23h00 Facebook Twitter Google Plus Denuncie 2 1
    Houve dezenas de vazamentos na Lava Jato e houve o mesmo tratamento dado a Protógenes? Esse mesmo ministro deu liberdade a Roger Abdelmassih que, após a saída da prisão, fugiu do país!
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    HIRAM FURTADO BRAGANÇA 31/03/2017 12h53 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 6 2
    O delegado Protógenes encarou os poderosos e continua sendo perseguido. Os responsáveis pelos vazamentos ilegais da operação Lava-jato estão aí livres, leves e soltos.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    HIRAM FURTADO BRAGANÇA 31/03/2017 12h53 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 2 2
    O delegado Protógenes encarou os poderosos e continua sendo perseguido. Os responsáveis pelos vazamentos ilegais da operação Lava-jato estão aí livres, leves e soltos.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    carmen rodrigues 31/03/2017 12h28 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 2 2
    Fico impressionada como este pessoal arruma dinheiro para viver noutro país. Se julgou ameaçado e foi para a Suíça. Uau! Poderoso…..
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Fabrizio Wrolli 31/03/2017 12h18 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 2 3
    Bem feito, Protógenes. Quem mandou mexer com banqueiro e tucano? Vê se o Moro ousa mexer com eles. Nem a pau, Juvenal. Neste país só existem dois tipos de santo: os donos de banco e os donos de bico grande e amarelo.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Edemar Gonçalves 31/03/2017 12h18 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 5 2
    Preso por vazamento?! E os outros vazadores? Justiça seletiva é mequetrefe!
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    alexandre mattos 31/03/2017 12h03 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 4 3
    Mais claro impossível, no Brasil a justiça não se baseia em leis, mas depende, isso sim, de quem está sendo julgado!!! Porque se não fosse assim meio M P F, .meia P F, e metade do ju diciário, inclusive o moro que vazou dados da presidencia, deveriam estar aonde ?
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Rafael Eder 31/03/2017 11h25 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 4 2
    Se vazamento no Brasil dá cadeia , o Sérgio Moro deveria estar condenado a pelo menos 100 anos !! Esse é o nosso país. A justiça depende do “cliente”.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    alberto vieira machado machado 31/03/2017 10h58 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 0 2
    Predestinado, como indica o próprio nome, poderia ter iniciado o quê é hoje a lavajato, mas foi “picado” pela mosca azul da política…inseto que vejo rondar (em vão, graças a Deus), o juiz MORO…
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    VERA COSTA 31/03/2017 10h51 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 4 2
    Mas vazar seletivamente nos dias atuais ficou tão corriqueiro e banal que essa notícia parece antiguinha e desatualizada. Esse delegado fez o que hoje o grande juiz da causa e outros membros de altas instituições do país vêm fazendo – quando interessa, claro.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Almir Pereira da Silva 31/03/2017 10h48 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 3 3
    Isso mostra que é impossível lutar contra o sistema no Brasil, ainda mais o bilionário sistema financeiro. Fizeram com que o Protogenes abandonasse sua carreira de delegado para se tornar deputado e depois disso já estava certo que o abondonariam.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Almir Pereira da Silva 31/03/2017 10h48 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 1 1
    Isso mostra que é impossível lutar contra o sistema no Brasil, ainda mais o bilionário sistema financeiro. Fizeram com que o Protogenes abandonasse sua carreira de delegado para se tornar deputado e depois disso já estava certo que o abondonariam.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Lorenzo Frigerio 31/03/2017 10h42 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 3 1
    Mais um caso de “aos inimigos, a lei”.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Geraldo Silva 31/03/2017 10h17 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 1 1
    Justiça, justiça. . Mas cabe uma pergunta em relação ao outro lado: a vida na Suíça é cara pra danar. Estive lá recentemente e pude constatar isso. Quem está pagando as contas do ex.delegado? Como ele está sobrevivendo lá?
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Geraldo Silva 31/03/2017 10h14 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 0 0
    Justiça, justiça
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Cassio Nogueira 31/03/2017 10h08 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 2 0
    No Império Romano, cada vez que um general entrava em Roma em triunfo, na sua biga havia um escravo a sussurrar “toda glória é efêmera”. Só quem viveu a realidade do DPF nos últimos 20 anos sabe o que ocorreu, de quem estamos falando e o risco de a história se repetir.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Paulo Henrique Andrade 31/03/2017 16h18 Facebook Twitter Google Plus Denuncie 3 1
    Pelo que me lembro, Protógenes – apesar de bem intencionado – cometeu o pecado da soberba e a fama lhe subiu à cabeça. Provavelmente houve uma briga de egos e algum colega recalcado colheu provas contra ele e entregou a quem interessava ferrar com ele >> neste caso, aos investigados e seus protetores nas altas esferas da política. Faltou-lhe humildade e sobrou ingenuidade. Em briga de cachorro grande, não há espaço pra amadores. É necessário ser discreto, atento e fulminante.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    CARLOS HENRIQUE DE ESCOBAR FAGUNDES 31/03/2017 09h50 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 3 2
    Os juízes ,os delegados e Temer.Há um só homem que preste nas instituições brasileira ? Escobar
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Renato Coletes 31/03/2017 09h43 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 2 1
    Considero o pedido de asilo por parte de um ex Delegado Federal, que foi demitido e agora condenado pela justiça razão de ter combatido a corrupção dos Colarinhos Brancos, um absurdo para o sistema penal brasileiro. Pois, não é razoável que o Magistrado que atuou no mesmo caso, hoje seja Desembargador, e o Delegado, foragido da justiça! Admiro os Delegados da Lava Jato que iniciaram as investigações e não tiveram medo de prosseguir, isso, sem qualquer garantia funcional, como os Juízes.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Julio Shiogi Honjo 31/03/2017 23h04 Facebook Twitter Google Plus Denuncie 1 1
    A diferença é com o atingido pelo vazamento de Protógenes e os atingidos pelos vazamentos da república de Curitiba!
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Lorenzo Frigerio 31/03/2017 10h44 Facebook Twitter Google Plus Denuncie 1 0
    Bom, o magistrado virou desembargador como forma de cala-boca… ele não tem mais como conduzir inquéritos, só revisá-los.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    neli Faria faria 31/03/2017 09h38 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 5 1
    Pelo que vi de longe,na mídia, achei as penas impostas a ele, inclusive a perda da função pública, exacerbadas.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Evandro Luiz de Carvalho 31/03/2017 09h28 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 13 1
    Vazar só contra a esquerda, contra banqueiros jamais. Será que alguém sério ainda dá algum crédito a justiça brasileira?
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Luís Mura 31/03/2017 09h28
    Seu texto foi removido porque infringe as regras de uso do site.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Jose Paulo Bogossian 31/03/2017 09h02 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 11 5
    A cada notícia me sinto mais idiota: até ex-delegado vai pra Suíça. E olha que estudei e trabalhei muito – mas na iniciativa privada e pagando impostos. Todos os dias a mesma lição: o crime compensa!
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Flavio Matos Petroli 31/03/2017 09h00 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 0 0
    Interessante! 1×0
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Marcelo Arias 31/03/2017 08h48 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 16 5
    Kkkkkkkkkkk…. O cara que vaza informações contra banqueiros sera preso…. O que vaza informações contra petista vira herói… E ainda querem usar o nome justiça? O Brasil é um circo mesmo…
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    angelim pilati 31/03/2017 08h42 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 8 4
    Enfim quem é que tem razão a Suíça que deu asilo a ele, ou o brasil do psdb e gilmar mendes que querem prende lo? Eu acha a Suíça!
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Gilson Moreto 31/03/2017 08h36 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 31 3
    Com ajuda de Gilmar Mende, Daniel Dantas foi preso num dia, saiu no outro, foi preso de novo e saiu de novo no outro.Inventaram um escuta ilegal e puf…Daniel Dantas livre e o Delegado vai ser preso…este é o nosso Brasil.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Gilson Moreto 31/03/2017 08h35 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 14 3
    Com ajuda de Gilmar Mende, Daniel Dantas foi preso num dia, saiu no outro, foi preso de novo e saiu de novo no outro.Inventaram um escuta ilegal e puf…Daniel Dantas livre e o Delegado vai ser preso…este é o nosso Brasil.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    ROSALINA BATISTA BRAGA 31/03/2017 08h33 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 26 5
    Ele denunciou um esquema que envolvia Gilmar Mendes e tucanos. Resultado: foi perseguido, perdeu tudo e agora que os tucanos estão no poder depois de um Golpe de Estado, vão atrás dele de novo. Viva o Tucanistão!
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    alexandre mattos 31/03/2017 12h14 Facebook Twitter Google Plus Denuncie 2 0
    Quanto tempo paulistas, goianos, paraenses e paranaenses ainda vão dar o poder para esses caras ?????
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Lorenzo Frigerio 31/03/2017 10h47 Facebook Twitter Google Plus Denuncie 0 1
    Discordo do termo “golpe” – isso é o que ocorreu hoje há 54 anos. No demais, está correto.
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Evandro Luiz de Carvalho 31/03/2017 09h30 Facebook Twitter Google Plus Denuncie 2 2
    Perfeito!
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Fabrizio Wrolli 31/03/2017 08h52 Facebook Twitter Google Plus Denuncie 1 2
    Perfeito!
    O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem
    Renato Almeida 31/03/2017 08h16 Facebook Twitter Google Plus Responder Denuncie 20 2
    Esse foi claramente perseguido porque atacou poderosos, como Daniel Dantas. Fausto de Sanctis também foi calado, mas pelo menos como magistrado tinha mais força para suportar.

     
  2. Carlos Noel Mazia

    Muito me alegro com essa notícia. Vazar contra os petistas pode, contra os tucanos não pode. Acredito que a Satiagraha estava chegando nos tucanos e num ministro do STF. A vingança contra Protógenes e o aborto da operação foi uma forma de blindar os malfeitores da direita. O mesmo aconteceu com a operação farol da colina (Banestado), na qual Moro não prendeu ninguém, pois não havia petistas. Prendeu só laranja.

     

Adicionar um comentário


Últimas Notícias

“SE O ESPINHO NOS E DADO NÃO PODEMOS MAIS CALAR”

  Parafraseando… ” SE O ESPINHO NOS E DADO NÃO PODEMOS MAIS CALAR” O jornalista Paulo Henrique Amorim hoje ...

Protógenes Queiroz fala sobre o atentado contra a vida de Jair Messias Bolsonaro no dia 06/09/2018.

Protógenes Queiroz fala sobre o atentado contra a vida de Jair Messias Bolsonaro no dia 06/09/2018.

Dep. Federal Cabo Daciolo denuncia fraude nas urnas eletrônicas.

FRAUDE NAS URNAS ELETRÔNICAS ANISTIA AO DELEGADO DA POLÍCIA FEDERAL, PROTÓGENES QUEIROZ. “…Não há nada escondido que não venha ...

Facebook
Twitter