IMPUNIDADE: 07 ANOS DE OPERAÇÃO SATIAGRAHA 

Hoje, o delegado Protógenes vem convidar todos a participarem no sábado, dia 11/07/15, às 12:00, da Missa de Ação de Graças "IMPUNIDADE: 07 ANOS DE OPERAÇÃO SATIAGRAHA", na  Catedral da Sé - Catedral Metropolitana de São Paulo/SP - Praça da Sé, s/nº CEP: 01001-000 São Paulo - SP (Metrô Sé). Informações: 11 99610-6588 / 11 97296-2888

Hoje, o delegado Protógenes vem convidar todos a participarem no sábado, dia 11/07/15, às 12:00, da Missa de Ação de Graças “IMPUNIDADE: 07 ANOS DE OPERAÇÃO SATIAGRAHA”, na Catedral da Sé – Catedral Metropolitana de São Paulo/SP – Praça da Sé, s/nº CEP: 01001-000 São Paulo – SP (Metrô Sé).
Informações: 11 99610-6588 / 11 97296-2888

O Delegado Protógenes Queiroz é delegado licenciado da Polícia Federal do Brasil, e ficou conhecido nacionalmente por comandar uma das mais importantes operações do país, a Operação Satiagraha, que investigou desvios de verbas públicas, crimes contra o sistema financeiro, corrupção e lavagem de dinheiro público. É um homem que luta incessávelmente no combate à corrupção no Brasil.

Em visita a Nápoles, cidade considerada o berço de uma das máfias italianas, o Papa Francisco fez um discurso duro contra a corrupção. “A corrupção é suja”. “E uma sociedade corrupta é uma porcaria”, afirmou. “Aquele que permite a corrupção não é cristão e também cheira mal”, disse o Papa.

Hoje, o delegado Protógenes vem convidar todos a participarem no sábado, dia 11/07/15, às 12:00, da Missa de Ação de Graças “IMPUNIDADE: 07 ANOS DE OPERAÇÃO SATIAGRAHA”, na Catedral da Sé – Catedral Metropolitana de São Paulo/SP – Praça da Sé, s/nº, CEP: 01001-000 – São Paulo – SP (Metrô Sé).
Informações: 11 99610-6588 / 11 97296-2888
Link do evento: https://www.facebook.com/events/1012441588780077/

About the author: Protógenes Queiroz

Advogado (desde 1984) Procurador-Geral Municipal- SG/RJ (1989/1992) Delegado de Polícia Federal (1998/2015) Deputado Federal ( 2011/2015) Professor Universitário (desde 1988)

2 Respostas para IMPUNIDADE: 07 ANOS DE OPERAÇÃO SATIAGRAHA

  1. Ivaldo Souza

    Por falar em impunidade, qual a razão do seu silêncio sobre a operação Zelotes?

     
  2. iria

    Boa lembrança Delegado Dr. Protógenes.

    Se a Satiagraha não tivesse sido arquivada, muita gente que está por aí vivendo na impunidade estaria na cadeia. E deve ser gente grande, talvez maior dos que estão presos pela operação Lava a Jato.
    ´Reavivar a memória dos brasileiros dessa grande operação abortada é muito importante, até para que não se repita com a operação Lava a Jato o que se fez com a Satiagraha, visto que deve estar trazendo à tona muita coisa que já estava naquela operação. É preciso estar atento porque investidas neste sentido não faltam da parte daqueles a quem não interessa que venha a público a corrupção encalacrada nas instituições do nosso país. Precisamos ter sempre presentes em nossa memória os momentos cruciais que já vivemos em nossa história, reavaliar nossos acertos e erros para que possamos ir adiante e construir uma nação ética, sem corrupção, com justiça social. Uma nação em que todos possam viver com dignidade e não apenas uma minoria privilegiada.
    Uma missa para lembrar essa data me parece bem adequada num momento em que o Papa tem sido um dos homens mais corajosos do planeta, ao criticar os erros e apontar caminhos a serem trilhados por todos, que incluem combate à corrupção, preservação do meio ambiente e justiça social.
    No século XXI, não cabem mais sectarismos partidários, preconceitos religiosos, raciais, culturais. Há que se ter um espírito ecumênico, de amor, de paz, de acolhimento.
    Parabéns por ter tido a coragem, contra tudo e contra todos, de trazer a público uma investigação. que foi arquivada depois de 7 anos, mas que se não fosse pela sua coragem, tenho certeza de que nunca saberíamos dela. Apoio sempre na caminhada da Luz, da Paz e da Verdade.

     

Adicionar um comentário


Últimas Notícias

Justiça extingue pena de ex-delegado da PF Protógenes Queiroz

Ele havia sido condenado por vazamento de informações e violação do sigilo funcional a uma pena de dois anos. ...

Caso Protógenes Queiroz: silêncio depõe contra instância máxima da justiça

Protógenes Queiroz é vítima de uma injustiça e quando tenta apelar na justiça, prevalece o silêncio comprometedor. O delegado ...

JULGAMENTO VIRTUAL DE PROTÓGENES QUEIROZ

Estão julgando meu processo de retorno a Polícia Federal no STF na calada da noite! Julgamento virtual pelo pleno ...

Facebook
Twitter