RESPOSTA aos “supostos grampos” 

SINTO VERGONHA DE MIM

” Sinto vergonha de mim…

por ter sido eduacador de parte desse povo,

por ter batalhado sempre pela justiça,

por compactuar com a honestidade,

por primar pela verdade,

e por ver este povo já chamado varonil

enveredar pelo caminho da desonra.

Sinto vergonha de mim

por ter feito parte de uma era

que lutou pela democracia,

pela liberdade de ser

e de ter que entregar aos meus filhos,

simples e abominavelmente,

a derrota das virtudes pelos vícios,

a ausência da sensatez

no julgamento da verdade,

a negligência com a família,

celula-mater da sociedade,

a demasiada preocupação

com o “eu” feliz a qualquer custo,

buscando a tal “felicidade”

em caminhos eivados de derespeito

para com seu proximo.

Tenho vergonha de mim

pela passividade em ouvir,

sem despejar meu verbo,

a tantas desculpas ditadas

pelo orgulho e vaidade,

a tanta falta de humildade

para reconhecer um erro cometido,

a tantos “floreios” para justificar

atos criminosos,

a tanta relutancia

em esquecer a antiga posição

de sempre “contestar”,

voltar atrás

e mudar o futuro.

Tenho vergonha de mim

pois faço parte de um povo que não reconheço,

enveredando por caminhos

que não quero percorrer…

Tenho vergonha da minha impotëncia,

da minha falta de garra,

das minhas desilusões

e do meu cansaço.

Não tenho para onde ir

pois amo este meu chão,

vibro ao ouvir o meu Hino

e jamais usei a minha Bandeira

 para enxugar o meu suor

ou enrolar meu corpo

na pecaminosa manifestação de nacionalidade.

Tenho vergonha de mim,

tenho tanta pena de ti,

POVO BRASILEIRO ! ”

( Cleide Canton )

*********************

” De tanto ver triunfar as nulidades,

de tanto crescer as injustiças,

de tanto ver o poder agigantarem-se nas mãos dos maus,

de tanto ver prosperar a desonra,

de tanto ver a verdade vencida pela mentira,

de tanto ver promessas não cumpridas,

de tanto ver o POVO subjulgado e maltratado,

o homem chega a desanimar da virtude,

a rir-se da honra,

a ter vergonha de ser honesto.”

( Rui Barbosa  – 1849-1923)

About the author: Protógenes Queiroz

Advogado (desde 1984) Procurador-Geral Municipal- SG/RJ (1989/1992) Delegado de Polícia Federal (1998/2015) Deputado Federal ( 2011/2015) Professor Universitário (desde 1988)

150 Respostas para RESPOSTA aos “supostos grampos”

  1. ana

    CORAGEM, MEU CARO. ESTAMOS COM VC!

     
  2. alexandre

    Eu acho a Satiagraha um sucesso.Mesmo que todo mundo livre a cara não vai mais poder sair pela rua.ainda não é o fim da impunidade,mas o começo de uma tomada de consciência.Valeu Protógenes.O sr e o Paulo Lacerda já são uma refer~encia em coragem e integridade.O mundo bizarro da imprensa de aluguel não poderá mudar isso ,embora pareça que sim, estou certo que não.Um abraço. Alexandre

     
  3. sonia soares

    quando a nossa vergonha vem acompanhada de indignação pelo que os outros fazem, então é porque temos consciência moral.

     
  4. Alois

    estamos com vc… espero que esteja emmais uma inveitigação… vc nao pode ficar parado com tanta gente ainda pra ser preso…

     
  5. Cletus Vinícius

    Força!
    Força sempre.

     
  6. DANIEL FORTI

    MENSAGEM DE SEATTLE
    http://clientes.netvisao.pt/alvorecer/mensagem_seattle.htm
    Em 1854 o grande Chefe dos suquamish, mais conhecido por “Chefe Seattle”, escreveu uma carta ao grande Chefe Branco de Washington, quando este quis comprar as suas terras (dois milhões de acres por 150.000 dólares americanos) e expulsar as tribos indígenas para ‘Reservas’ longe dos lugares que sempre amaram e respeitaram. Esta carta foi a mais bela Declaração sobre o meio ambiente e devia ser sempre lida e lembrada por toda a parte nas Cimeiras do “Comércio e da Globalização” do século actual. Dela refiro apenas o mais importante, porquanto o grande Chefe dizia no século dezanove ao Presidente dos Estados Unidos da América o seguinte: “Como você pode comprar ou vender o céu, ou o calor da terra? Essa idéia para nós é estranha. Se não somos donos da frescura do ar nem do brilho da água, como você pode comprá-los? Cada parcela desta terra é sagrada para o meu povo. Cada pinha e mata dos pinheiros, cada grão de areia nas praias, cada gota de orvalho nos escuros bosques, cada outeiro e até o zumbido de cada insecto é sagrado para a memória e para o passado do meu povo. A Seiva que circula nas veias das árvores leva consigo a memória dos Peles Vermelhas…

     
  7. Pedro

    Parabéns! Você não só prendeu o “chefe” dos ministros do STF, o tal de Daniel V. Dantas, como ainda teve a coragem de responder às acusações do advogado dele, um tal de Gilmar Mendes… que deve ser muito bem remunerado para tal.

     
  8. Vinicius Duarte

    Agora a Veja o está acusando de pedir carros caros para investigações (BMW, Audi, etc.)

    Querem acabar com o seu trabalho, delegado! Não há como ir contra essa corrente maligna? Una-se aos bons e parta para o ataque contra isso.

     
  9. Otaviano Dias

    Dr. Protógenes, não dê essa deixa. Não fale em vergonha. Vira matéria rapidinho. Mesmo entendendo o que o sr. quer dizer,é munição fácil. E parabéns pela sa ação. Nos orgulhamos muito.

     
  10. fernando

    06/09/2008 14:21
    SISTEMA DANTAS DE COMUNICAÇÃO: ISTOÉ E VEJA SE UNEM CONTRA PROTÓGENES

    Paulo Henrique Amorim

    “O sol é o melhor desinfetante.”
    (Autor anônimo)

    . A revista IstoÉ que chegou hoje às bancas tem uma reportagem, “Os olhos por trás dos grampos”, assinada por Mino Pedrosa, Hugo Marques, Leonardo Attuch e Daniel Dantas (clique aqui para ler).

    . Os dois últimos, por elipse.

    . A reportagem se baseia no depoimento de: “arapongas ouvidos”, “agentes ouvidos”, em “conversa com amigos” e outros instrumentos do jornalismo sem credibilidade que caracteriza a publicação.

    . A IstoÉ, como se sabe, pode ser parte do conjunto de propriedades do quadrilheiro Daniel Dantas.

    . A IstoÉ exibe entre suas estrelas de máxima grandeza o redator chefe do Sistema Dantas de Comunicação, Leonardo Attuch.

    Clique aqui para ler sobre o Sistema Dantas de Comunicação.

    . A reportagem tem o objetivo de demonstrar que os ínclitos Delegados Protógenes Queiroz e Paulo Lacerda cometeram todos os crimes que lhes imputa o Supremo Presidente Gilmar Mendes.

    . A reportagem é a contra-face da capa da Veja da semana passada que provocou a consumação do Golpe do “Estado de Direita” (clique aqui).

    . A Veja, baseada nos mesmos informantes da IstoÉ – que só as duas sabem quem são – botava a culpa na Abin.

    . A IstoÉ põe a culpa na Abin e no ínclito Delegado Protógenes Queiroz.

    . A reportagem da Veja não tem um grama de credibilidade.

    . A da IstoÉ, metade disso.

    . As duas, porém, cumprem o papel determinado por Dantas: derrubar Paulo Lacerda, Protógenes Queiroz, transformar Dantas em vítima e aprovar a patranha da “BrOi”.

    . A IstoÉ e a Veja fazem parte de um conjunto igual ao conjunto dos detritos de maré baixa.

    . Onde se destaca o blogueiro Reinaldo Azevedo, que trabalha na Veja, e reproduziu a matéria de capa da IstoÉ.

    . Jogue a IstoÉ e a Veja fora e clique aqui para ler a Carta Capital, que traz na capa “Dantas, o dono do Brasil”.

     
  11. Cheila Rio

    O srº e o dr°Paulo Lacerda são exemplos do bem,da honra e da honestidade…É de pessoas que nem os senhores que carece a política brasileira.ÍNCLITO delegado Protógenes,aceite as minhas humildes,mas sinceras felicitações pela operação SATIAGRAHA.Não desanime…

     
  12. Leonardo Meireles Câmara

    Prezado Protógenes,

    A reação destes marginais não poderia ser outra. São muitos, são fortes e temem ir para a cadeia, pois não têm mais como se esconder.

    Controlam partidos, os movimentos sociais e meios de comunicação, mas creio firmemente que a providência há de nos oferecer uma saída para que nossa indignação se catalize em ação, de forma a expulsar estes corruptos execráveis das esferas de poder que agora ocupam e enviá-los para a cadeia, que é o que merecem.

    Em todo caso, temos de perseverar na luta, como exempo para as futuras gerações de brasileiros.

    Força para todos nós!

     
  13. Tita

    Força, Dr. Protógenes.
    Não esmoreça.
    Estamos contigo.

     
  14. sonia soares

    O PRESIDENTE LULA não é só o presidente QUE TEM MEDO…é também o presidente que NÃO TEM VERGONHA…

     
  15. Fuentes

    Osso! para não dizer aquela palavra com F…

    não dá mais para defender o Lula, que era a esperança de um Brasil mas justo. Mas, infelismente, mais um que se curva ao poder dos ricos…

    Alguém com tanta aprovação, poderia ser mais macho, e não ter MEDO.

     
  16. Wilma

    Dr. Protógenes, faço do seu desabafo, o meu também. Ando muito deprimida com o que está acontecendo, desde que foi deflagrada a prisão do Senhor das Trevas( Daniel Dantas ). Não aguento mais tantas mentiras, desmandos, falta de caráter e vergonha na cara desta turma que ai está. Quanta decepção o Presidente Lula me causou! Não permita que eles maculem sua imagem.
    Lute e conte com nosso apóio, sempre!

     
  17. Carlos

    Acho lamentável o contra-ataque articulado contra as figuras centrais da operação Satiagraha, não bastou transformarem ela em “soltaeagarra”, ou deveria ser “agarraesolta”… Tenha força, saiba que a população está orgulhosa de ter pessoas assim em nossas instituições públicas.

     
  18. Vicente T Roque

    Dr Protógenes, como é bom saber que existem homens como o Senhor, como o Dr Fausto DeSanctis, o Dr Paulo Lacerda e todos os de sua equipe.

     
  19. DANIEL FORTI

    Li o Globo de domingo e achei que tinha coisas interessantes, mas tem coisas que devo dizer, parecem bem tendenciosas ou deixam vazios de informação.
    Nas tiras do jornal tinha uma que dizia que a Solange Amaral ia usar da aprevação de 60% do César Maia para alavancar sua candidatura. Onde esta está pesquisa, pois para mim ele não chega nem a metade disso. O Rio de Janeiro esta um caos, entregue aos camelos, aos favelados, um caos no transito, na saúde, na educação, os bueiros de Copacabana saem nuvens de mosquitos e a prefeitura não faz nada, mas sabe gastar muito bem com esse elefante branco da cidade da música, talvez vão convidar o Roberto Jéferson para cantar uma ópera, esse governo municipal é digno de um devaneio de gente que compactua com o caos, pois essa cidade fede a urina e coco de pessoas abandonadas nas ruas, isso aqui ta um lixo rodeado de esgoto.
    Para não fugir a regra, as pessoas do poder são de atitudes sórdidas e tenebrosas em todo o Brasil, nesta edição de domingo de O Globo, uma conselheira tutelar, Edna Apda Ribeiro Amante, que recebeu dois menores que foram expulsos de casa pelos pais em Ribeirão Pires, tomou a atitude totalmente estúpida, de entregar essas crianças aos pais, que prontamente mataram, queimaram e esquartejaram os dois menores de 12 e 13 anos que não queriam voltar para casa. Essa aí superou a juíza e a promotora do Pará que colocou na cadeia uma menina de 15 anos para ser estuprada pelos detentos, do jeito que esta deviam soltar todo mundo da cadeia, as autoridades fazem coisas bem piores e ganham para isso.
    Por falar em artigos tendenciosos, o Cadeia Neles, logomovel@oglobo.com.br faz uma apologia a que os crimes de colarinho branco deviam ser punidos sem que haja prisão, pois diz que o sistema penal não recupera, nem aqui, nem fora, já que 70% das pessoas soltas acabam por reincidir no crime. Realmente nem mesmo o Erasmo de Roterdam com seu livro Elogio a Loucura, podia imaginar que se perdessem uma página desse jornal com um artigo que defende esses canalhas e vigaristas do poder que desviam dinheiro da merenda das crianças, dos doentes nos hospitais, ainda se o artigo dissesse que a maioria dos presos por drogas leves, caso da maconha, poderiam ser soltos ou nem serem presos, como acontece em países desenvolvidos, essa foi uma afronta as pessoas honestas e trabalhadoras.

     
  20. DANIEL FORTI

    Ao menos teve um artigo que foi bem redigido, o que a Promotora da Infância e Juventude do MP Patrícia Hauer afirma que muitas crianças de rua vem de família de direito, mas não de fato, na qual os pais exploram economicamente os filhos, as custas de trabalho infantil, mendicância e prostituição, mas a brilhante conclusão da sua excelência não interfere no resultado da ação dos órgão de governo, que em nada ajuda a coibir essa brutalidade, pois cada dia tem mais gente nessa situação, o mesmo se percebe com o trabalho escravo, que saltou de 84 casos de pessoas libertadas em 1995 para mais de 6.000 em 2007, os usineiros que chegam a ganhar mais de 50 milhões por ano, segundo o jornal publicou, para cada 50 pessoas libertadas tem mais 1.200 presos, logo essa corja não tem nada a temer, pois continuam com suas terras para devastar e escravizar as pessoas e ainda se candidatam ou apóiam a vereadores e chegam mesmo ao governo de estados com essa política criminosa de grilagem, devastação e escravidão das pessoas. No mais, devo dizer que esta tudo dominado e com as alterações climáticas que esses pulhas estão causando, logo não vamos ter água nem para consumo.

     
  21. morgana

    Sou portadora de um recado para o Dr Protógenes. Devo confessar que demorei um pouquinho para postar, mas de repente este é o momento oportuno. O Taxista que me levou até meu destino, um dia destes do mês que passou ( agosto). Ao acaso conversando sobre o SR, delegado e toda esta faxina sob seu comando, ao que o motorista pediu que transmitisse que ele e os colegas do ponto de taxi onde ele trabalha, no Rio de Janeiro, estão na torcida pelo Sr. Na verdade ele falou muito em seu favor, e disse que esta era a opinião do grupo. Mas que não tinha acesso a internet. Eu que já não gosto…rs, disse imediatamente: Pode deixar que transmito sua mensagem de apoio e solidariedade. Sua, e de seus companheiros da praça.
    Na verdade, me comoveu… Tudo! nossa conversa, os desabafos em favor do nosso País. E depois o pedido, foi um momento a mais na minha vida, que posso dizer que a vida vale a pena. E valeu, e vale porque existem pessoas como o Sr, Dr. Protógenes que despertam nas pessoas, a esperança e a fé. O contentamento da representação, o homem simples que se faz presente, pela sua presença, atuando como servidor público cuidando da coisa pública em seu nome.
    É muito bom viver assim: COM HONRA!!! AVANTE!

     
  22. Victor

    Protógenes, não desanime. Por mais que, tecnicamente, a operação redunde em fracasso, numa perspectiva social as coisas irão se inverter. Pouco a pouco as pessoas vão tomando conhecimento do mundo que as cerca e essa dominação mesquinha com que a mídia e os poderosos insistem em nos subjugar irá cair por terra.

    Recomendo a leitura de um artigo no blog do Luís Nassif chamado O PARTO DE UMA NAÇÃO ( http://www.projetobr.com.br/web/blog?entryId=8828 ). Muito bom!

     
  23. Tita

    #
    UMA OPERAÇÃO PARA LIVRAR DANIEL DANTAS DO INQUÉRITO E DO PROCESSO

    07/09/2008 – 21:51

    ENTREVISTA – LUIS NASSIF Uma operação para livrar Daniel Dantas do inquérito e do processo Para o jornalista, a revista Veja perdeu todos os limites ao publicar uma matéria em que não pode provar nada do que denuncia. Para ele, trata-se de uma operação para livrar Daniel Dantas da açã…
    http://www.viomundo.com.br/recentes

     
  24. Tita

    DR. PROTÓGENES,

    O SR. NÃO ESTÁ SOZINHO.
    FIQUE CERTO, O SENHOR CUMPRIU SUA OBRIGAÇÃO, E TODAS AS PESSOAS HONESTAS DO BRASIL O APOIAM.
    FORÇA, É O QUE EU E MINHA FAMÍLIA LHE DESEJAMOS.
    UM ABRAÇO.

     
  25. Maria Luíza M Rocha D Lacerda

    Dr. Protógenes, infelizmente, na nossa sociedade, cada dia mais, constatamos que o que deveria ser regra está se tornando exceção: ser honesto, lutar contra a corrupção…De uma forma muito perversa, estamos assistindo, em muitas partes do nosso país(no Paraná,inclusive), à tentativa de criminalizar quem denuncia os “poderosos” e ousa lutar contra os desmandos e arbitrariedades por eles praticados.Triste é constatar a passividade e conivência dos poderes públicos, que, em tese, existem para coibir tais absurdos. A sua luta traz um alento para todos os brasileiros de bem que ainda acreditam ser possível construir uma sociedade mais justa e mais humana. Que Deus o abençõe, ilumine e fortaleça!

     
  26. JUSTINO

    DR. PROTOGENES,

    E TODOS OS CIDADÕES BRASILEIROS QUE TEM SE PRONUNCIADO SOBRE A MAFIA DO BRASIL, JÁ ESTÁ NA HORA DE UM ENVOLVIMENTO MAIOR DE CADA CIDADÃO DO BEM EM DEFESA DO ESTADO DE DIREITO, DA LIMPEZA MORAL E ÉTICA, DO MOVIMENTO SOCIAL ENVOLVENDO TODOS OS SEGMENTOS.

     
  27. José Baptista - SP

    Temos orgulho de você.

    Aqui todos da minha família te apoiamos.

    Tenha certeza que você, De Grandis, De Santis, Paulo Lacerda e todos que estão empenhados no combate a corrupção, foram a centelha para a construção de um país que está para nascer.

    Força!!!

     
  28. Paulo Jr.

    Dr. Por que o senhor não chuta o balde e escancara a realidade ?

    Por que não procura apoio em instituições internacionais ?

    De qualquer jeito, PARABÉNS! Claro que é difícil acabar com a corrupção, mas sempre tem que haver o início do processo….. ACHO QUE JÁ COMEÇOU!!

    Gilmar Mendes vai entrar para História como, mais um, TAMPO DE CORRUPÇÃO….. e o dantas, é a corrupção…. Pena que o presidente (?) lula não esteja com o Povo…

     
  29. Timóteo de Almeida Batalha

    Chega de lamúria e comiseração.
    REVOLUÇÃO CIVIL é o futuro.
    Organizada e racional.
    Faça parte ao primeiro sinal, junte-se a seus amigos e some com os revolucionários.
    Será a Revolução mais esclarecedora como nunca ouve na história das nações.

    Estão erguendo a clava forte da injustiça.
    Verão que um filho brasileiro não foge a luta.

    Estamos acordando…e já somos muitos!

     
  30. Paulo Jr.

    Pessoal, como podemos fazer pra reunir TODOS os inconformados com esta situação ?

    Estamos na “Era da informação” !!!!

    Cadê a UNE, cadê a CUT, CGT, Caras Pintadas ??

    Está claro que desta vez a mídia não vai liderar os protestos…. a mídia está comprometida…

     
  31. Paulo Jr.

    Protógenes, nos ajude a nos conglomerar!!! Lidere esta batalha!!

    De santics, de Grandis, Promotores, Juízas descentes!!! Cadê voces????

    O Povo não sabe o que está se passando… precisamos agir!!

     
  32. Maria Lucia Bradfield

    Queiros,
    Continuamos acompanhando tudo e torcendo para que Deus ilumine vc e sua familia toda, muita PAZ e saúde para aguentar todos os desafios.
    Grande abraço
    Maria Lúcia e André Garcia

     
  33. Davi

    companheiro
    força e coragem, pois pra livrarmos o Brasil dessa vala precisamos de pessoas como vc.
    precisamos de HERÓIS!

    abraços

     
  34. Pedro

    Vamos em frente, Dr. Protógenes!

    Se o sujeito fosse um pé rapado já estava em cana e ninguém buscaria saber dos bastidores da operação. Agora, cria-se fatos para encobrir a verdade. Salve o país, Dr. Protógenes. Diga tudo! O Brasil é muito mais importante que banqueiros ou presidentes. Salve a nação dessa desordem! Limpe o país em nome de nossos filhos!

     
  35. Helena

    Dr Protogenes !

    Não é possivel que estamos sós, e só podemos contar com poucos, o sr.o promotor de Grandis, juiz de Santis . Dr Lacerda, não é possivel que os corruptos tenha tomado conta do País. Faça palestra também em São Paulo com o tema da corrupção.Abraços e muita força que Deus te ilumine .

     
  36. Carlos Morales

    Eu não sinto vergonha, não. Sinto muito orgulho de você e do seu trabalho. Pessoas como você me reconciliam com a humanidade.
    Obrigado!
    Carlos Morales
    Salvador – BA

     
  37. Luiz de Carvalho Ramos

    Gostei muito da sua reflexão. É isso. Você ainda está muito jovem e, certamente, há de superar tudo isso. Aliás, na verdade, qurem que sejamos o que eles q

     
  38. Furla

    Caro delegado, você fez a sua parte até aqui. Teve coragem e nos encheu de orgulho. Isso pode ser pouco pra você agora, mas é um símbolo que jamais se apagará de nossa história, por gerações e gerações, provocando segura referência do país que queremos ser. Por isso, aceite o meu singelo pedido: levante a cabeça e orgulhe-se do homem que é. Os trabalhos de Hércules ainda não estão concluídos…há muita água pra rolar debaixo dessa ponte…

     
  39. Alexis Souza

    Força Dr. Protógenes, a sua vergonha é a nossa vergonha. Nada como um dia depois do outro. A maré vai virar, pode até demorar, mas vai mudar. Força e cuide-se.

     
  40. cristina

    Olá, Dr Protógenes. Quanto mais essa situação se escancara, e mais manobras aparecem para que os honestos pareçam culpados enquanto dos corruptos ningiém fala nada, também eu me envergonho. Seria ótimo se essa palestra fosse ministrada também em S Paulo, caso isso seja possível, por favor divulgue no seu blog. Tem muitos que gostariam de comparecer, tenho certeza. Muita luz no seu caminho, e obrigada por continuar seja com palestras ou mensagens no su blog. De alguma maneira, todos que acreditam em seu trabalho estão esperando por isso!

     
  41. Dirck

    Escreva um livro já e fique rico logo – honestamente, falando

     
  42. sonia soares

    todos os dias tenho visitado esse blog e leio todos os comentários…a única coisa que posso dizer são duas:
    1. o presidente dessa nação não merece seu povo honesto e trabalhador, já que prestou o enorme desserviço de nos fazer crer que só se pode fazer política sem dignidade, deturpando totalmente o verdadeiro significado da política e da democracia conforme os gregos nos ensinaram
    2. o Delegado Protógenes e todos os outros que tiveram a coragem de agir conforme a decência e a dignidade (De Sanctis, De Grandis, Lacerda) só nos honram com suas atitudes e tenho certeza que eles sabem disso e jamais desistirão, pois dignidade é algo que ninguém nos pode tirar porque só nós podemos nos dar.
    Obrigada Protógenes, gostaria de uma dia poder conhecê-lo pessoalmente. Quem sabe podemos organizar um debate na minha cidade também…

     
  43. Jussara

    Carta aberta à consciência de cada cidadão

    É preciso que a população, a sociedade, as instituições, entidades, associações, órgãos, sindicatos, universidades, fundações etc., sérias, justas, imprensa do bem e pessoas do bem desse país reajam ao que está acontecendo. Já vimos os criminosos tomarem conta dos morros do Rio – e também em outras capitais –, já vimos a polícia primeiro, e agora a polícia conhecida como “milícia” – seria uma mistura de mi-lhares (de $ envolvido) e polícia? – tomarem conta dos morros do Rio – e também em outras capitais; é que no Rio isso é mais evidente (ou noticiado). Será que agora vamos ver os criminosos e traficantes tomarem conta do poder Legislativo (e do Executivo e do Judiciário) diante dos nossos olhos sem fazer nada? E olha que não é de hoje que isso vem acontecendo. As comunidades são obrigadas a “eleger” a gente do tráfico. Então já já vamos ter a bancada do tráfico, ou do PCC no Congresso (se é que já não tem?). Pelo princípio, os parlamentares estão no poder pra nos representar, eles seriam “a voz da sociedade”. Mas eu não quero, não dou o direito a esses criminosos de me representarem na criação das leis – e todos os dias a gente vê nos noticiários a prisão ou a denúncia de falcatrua de um deles; pra no dia seguinte já estarem soltos devido a decisões mal julgadas pelos juízes “sempre estrategicamente de plantão”…). Fora a grana que eles têm à disposição para seus luxos, que poderia ser muito mais bem aplicada em projetos sociais e casas pra população carente.
    Portanto, quero começar uma campanha pra “limpar” o Congresso, o Senado, a Câmara de Deputados, as Câmaras de Vereadores desses larápios corruptos que só estão no poder pra poder realizar seus crimes tranquilamente, sem medo de punição. Porque o que acontece é que quando um “parlamentar” é acusado ou suspeito de ter (ou estar ligado) negócios escusos, ele simplesmente renuncia aqui e vai concorrer de novo ali. Não é julgado. Não é punido. Não é obrigado a devolver $ nem perde cargo, ou perde temporariamente. E volta pra continuar a praticar os mesmos crimes, desvios de $, verdadeiros assaltos aos cofres públicos. O que mais tinha cara de bobinho, pego recentemente com a boca na botija – e algemado –, tem a mísera quantia de 63 milhões de dólares em contas no exterior. E os mais espertos, quanto terão?
    E nós mais uma vez estamos vendo isso acontecer de braços cruzados, sem fazer nada.
    Nós precisamos reagir, pintar a cara, se for preciso, e pedir mais rigor na “ficha” dos candidatos. O Supremo Tribunal tem sim que barrar a candidatura dos “fichas sujas”. Mas tem que ser feito com critério, com mais tempo, talvez. Eu não posso comprar um sapato a prestação se tiver o nome no Serasa; então por que o sujeito pode ser candidato a um cargo representativo do povo com uma ficha suja ou suspeita de delito grave?
    É hipocrisia acharmos que os parlamentares – ou o Judiciário – vão fazer alguma lei pra mudar essa situação. E acabar com seus privilégios e luxos? Jamais. Pelo contrário, se vocês se interessarem um pouco por história sabem que os poderosos jamais beneficiaram os pobres. No começo do século XX, depois da abolição da escravatura, os donos de terras, de conluio com os que faziam as leis, além de fazer leis “leoninas” em seu favor, deram um jeito de cobrar um imposto altíssimo para registrar a terra – e assim só eles, os ricos, podiam ter mais terras. Os negros, claro, não podiam pagar, e com isso foram novamente subjugados.
    E a história é a mesma hoje. A usura dessa gente é a mesma. Os ricos querem mais dinheiro, e para isso têm de tirar de algum lugar – ou seja, dos pobres. É aquele velho personagem político do Chico Anysio, o deputado Justo Veríssimo: “Quero que pobre se exploda!”.
    A sociedade tem que se mobilizar – quem sabe um grande e quilométrico abaixo-assinado, ou um plebiscito – sobre se o político que for suspeito de ter envolvimento ilícito pode ou não se candidatar. Não estou falando daquele prefeito, por exemplo, que teve suas contas reprovadas por algum questionamento burocrático do Tribunal de Contas, porque isso é comum, e se for provado que está tudo certo, as contas são aprovadas.
    Estou falando de envolvimento com máfia, tráfico (de qualquer tipo), assassinato, desmatamento, contrabando, roubo, enfim, atos criminosos, às vezes tão difíceis de provar. Mas, se pegou, tem de ir preso, sem foro privilegiado – que fere o artigo 1º da Constituição, de que todos os homens são iguais perante a lei –, perder o cargo de parlamentar, as regalias, e sem aquele monte de recursos, que quando o cara é julgado, e, se for condenado, o crime já caducou. Então, isso é outra coisa: uma mudança no Judiciário que acabe com as “brechas das leis”, que privilegiam quem pode pagar um advogado. Quem não pode, está ferrado.
    Porque a diferença para uma pessoa ser ou não ser presa no Brasil é ter um “bom” advogado – e o crime também banca os estudo de muitos “futuros advogados de porta de cadeia”, que depois também vão fazer parte das quadrilhas. Outra coisa que todo mundo está careca de saber e não faz nada para barrar essa leva de maus profissionais a serviço do crime organizado. Se tiver um advogado, o cara não fica na cadeia.
    Haja vista o número de 133 mil presos (só em São Paulo) sem defensor público, que estão presos mas poderiam estar aguardando em liberdade. E aí, sr. ministro Gilmar Mendes, o que o senhor vai fazer quanto a isso? Vai dar habeas corpus pra eles também?
    Hoje, uma pessoa alçada de seu advogado “tem direito”, claro, modo de falar, a matar uma pessoa e sair livre, com prisão domiciliar. Tenho um amigo que compara: “Se uma pessoa for pega por um guarda-florestal com meia dúzia de passarinhos da fauna brasileira, é melhor matar o guarda, porque ela não vai presa, enquanto se for flagrante de contrabando de aves, é crime ambiental, inafiançável”.
    É absurdo, mas é verdade. E tem sentido isso? Que raio de lei é essa? Questiono o fato de o assassino ser posto em liberdade, não de o contrabandista ser preso… É o tratamento dado a ricos e pobres no sistema penitenciário que tem de mudar.
    Então, é uma hipocrisia ficar discutindo se põe algema ou não, se libera o grampo telefônico ou não. Porque sabemos que vai continuar o que sempre foi: o pobre e sem defesa vai ser algemado (torturado, preso e esquecido no fundo da cela), e o rico com advogado grudado (parece que eles já nascem juntos), não. Quanto à escuta, acho que quem não deve não teme. É que nem o radar. Ele só pega quem ultrapassa o limite de velocidade.
    E se nossos políticos conversassem somente sobre projetos de interesse da população, pra beneficiar os que mais precisam – e não eles próprios – e não sobre suas falcatruas e esquemas pra desviar $ ou pra se favorecer de alguma forma, não precisariam ter medo de serem pegos em grampos.
    A PF só tem descoberto tantas operações criminosas por causa das escutas telefônicas. E os mandantes, presos, depois são postos nas ruas pelos gilmares mendeses da vida, e outros juízes (que um dia ainda vão merecer uma grande investigação, porque também têm muita falcatrua e benefícios próprios e corrupção nessas sentenças absurdas que põem em liberdade criminosos e assassinos, desde que tenham dinheiro, e dão pareceres extremamente favoráveis e ganhos de causa a empreendimentos escusos e suspeitos, como madeireiras, exploração de minérios, poluição dos rios, posses de terras. É engraçado como os pegos com a mão na massa são sempre os mesmos, “reincidentes”, e no entanto continuam atuando impunemente. Da mesma maneira os assassinatos pela posse da terra, a questão agrária. Quantos fazendeiros, ricos e acusados de mandar matar por causa da terra estão presos nas regiões mais distantes do país?). Os grampos têm sido a única maneira de chegar às quadrilhas que agem há anos sem nenhuma fiscalização. E também a tantas outras informações importantes sobre tantos crimes, tanta corrupção, tanta fraude, tantas operações ilegais, que é um absurdo parar com essas investigações. Mais uma vez, são os pares se protegendo – de todos os poderes, inclusive da imprensa. O corporativismo é grande, porque a maioria tem rabo preso. Hoje acontece com ele, amanhã acontece comigo. Então, nada de grampo. Essas leis são aprovadas rapidinho. Como aquela que garantia “sigilo” dos escritórios de advocacia, que afinal nem sei se foi ou não aprovada. Acho que não, porque a grita foi geral e o presidente recuou. São os pares se protegendo…
    Sem a escuta telefônica, e com o apoio e o incentivo dos poderosos pra que a situação se mantenha do jeito que está, só nos resta a mobilização popular pra tirar esses parlamentares do poder, onde eles só mamam – e não eleger outros iguais a eles – e devolver em forma de educação e saúde – e tantas outras coisas – para a população pobre essa montanha de $ gasta por eles.

    P.S. Proponho uma mobilização, mas não sei como fazer isso. Acho que a situação chegou no limite, e não adianta mais só reclamar. Espero sugestões.

    Jussara

     
  44. sonia soares

    concordo plenamente com Jussara…acho que poderíamos fazer um movimento simultâneo nas principais cidades do país – ou onde for possível juntar gente. Mas para isso, precisamos de entidades organizadas dispostas a fazer a divulgação e a mobilização. Acho que tem OAB, AMB, transparência brasil, cnbb, enfim…a gente podia já ter como dia para esse movimento o dia da república…seria bem simbólico. Não há espírito republicano na ‘democracia’ brasileira de hoje, pelo menos, não nas suas instituições.

     
  45. Júlio

    Nada será em vão! Apenas ficará registrada essa mancha nebulosa na biografia daqueles que se esmeram para manter o ‘status quo’, digo, a podridão fétida nas entanhas da ‘república’. Tinha que ser nesse governo, que deveria ser de trabalhadores, uma forma pradigmática de nos autoafirmarmos, sobre nossas práticas e nossas contradições!! Boa Sorte Protógenes.

     
  46. morgana

    No momento Jussara parabéns e obrigada por ser minha voz neste blog. Quem sabe um dia seja de fato e de direito em algum plenário legislativo.
    A imprensa muda e amordaçada, também tem família, e não é burra. Sabe que não adianta se esconder atrás de guaritas de condomínio.
    Imagino o desespero de ser obrigado, a compactuar com o silêncio criminoso, saber, ver e acovardar-se.
    Que Deus nos proteja, a todos, heróis e covardes!

     
  47. Daiana

    Vivemos em um país às avessas… onde aqueles que deveriam lutar contra a impunidade, a apóiam, criando todos os empecilhos possíveis impedindo que a verdadeira justiça seja feita.

    Dr. Protógenes, infelizmente o fato de tentarem destruir todo seu árduo trabalho contra a impunidade no Brasil não é nenhuma surpresa. E isso é uma pena.

    Entendo sua vergonha, e imagino que seu sentimento de impotência diante desses fatos deve ser imensurável.

    Acredito que a maior parte do povo brasileiro quer, assim como o senhor, viver em um Brasil decente, mas este mesmo povo desconhece o poder que tem em mãos. Não poderíamos jamais aceitar a atitude tomada pelo Ministro Gilmar Mendes.

    Em um país desenvolvido, o trabalho de um delegado contra a impunidade não receberia grandes elogios, pois este é o mínimo esperado. Mas diante do quadro brasileiro, onde o oportunismo e a ilegalidade imperam, o senhor merece um GRANDE OBRIGADO por não fazer parte dessa “corja”!

     
  48. Cid Quintela

    Caro e nobre Protógenes Queiroz! Inicialmente sinto a honra de poder parabenizá-lo! Criei uma comunidade no Orkut “Eu apóio o Delegado Protógenes Queiroz” e sinto orgulho de ser brasileiro nesses momentos! Sei que o trabalho não foi somente seu! Mas de toda uma equipe! O Sr. Juiz De Sanctis, O Sr. Paulo Lacerda mudaram o Brasil. A operação Sathiagraha dividiu o Brasil e expôs a fragilidade do sistema jurídico. Expôs aquilo que muitos Brasileiros não queriam ver: Que o Brasil é o país da impunidade! Que cadeia no Brasil foi feita para pobre! Que ladrão rico não fica na cadeia! Hoje li em um blog que a justiça americana mandou um recado ao Sr. Paulo Maluf que se ele colocasse os pés nos EUA ele seria imediatamente preso e com algemas! Detalhe o Sr. Paulo Maluf não roubou num cent de dólar americano! Ele “apenas” utilizou o sistema financeiro americano para lavar o dinheiro ROUBADO em São Paulo! Quando li essa notícia me senti realmente cidadão de 3º mundo! O Sr. Paulo Maluf passou 40 dias na prisão graças ao Senhor e ao Juiz De Santics, mas rapidinho deram um jeito de soltar o criminoso! O “cidadão” pagador de impostos responde a mais de 40 processos julgados e continua solto, impune e ainda vai concorrer a prefeitura de São Paulo! Que país é esse? Já cantava Renato Russo na década de 80, passados quase 30 anos a música continua atualizada! E o Sr. junto com os outros já citados acima mudaram a cara do Brasil! Dividiram o Brasil antes e depois da Operação Sathiagraha! O meu maior temor é justamente com o judiciário! O que caracteriza o país da impunidade é certeza que não punição! Punição essa que cabe ao judiciário! Por que nos EUA o criminoso de colarinho branco vai preso algemado e aqui no Brasil não? Por que nosso judiciário é corrupto, é moroso, lento, hipócrita. O judiciário não cumpre o seu papel! O de condenar! Corrupto no Brasil não é condenado! Esse é o meu maior medo!
    Mas sou Brasileiro e não desisto nunca! Depois da Operação Sathiagraha meu modo de vida mudou! Uso a internet para buscar as informações que a imprensa corrompida não me dá! Louvado seja a INTERNET aqui eles não têm como censurar! Aqui se sabe a verdade nua e crua! Aqui posso botar a boca no trombone e gritar e divulgar a informação como ela é! Sem mentiras, sem malabarismos. Vou dar hit ao seu blog, vou freqüentar assiduamente, você não está sozinho, não tenho vergonha de ser brasileiro, se tivesse já teria ido embora! Mas o Brasil não é feito de corruptos, sou brasileiro e não sou desonesto, não sou ladrão! Não devo nada a ninguém!
    PARABENS!!! Mas ainda tem muito que ser feito! Incessantemente!!!

     
  49. Antonio

    Não sei se as pessoas vão ser punidas mas você conseguiu desmontar uma quadrilha que lesava o País. Isto é um grande avanço. Da próxima vez que forem pegos, não terão mais tanto poder e assim as coisas vão ser diferentes. Vc não deve sentir vergonha de nada. Muito pelo contrário. Estamos orgulhosos de vc.

     
  50. Dani Câmara

    A carta – William Shakespeare (trechos)
    “Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar a alma. (…) Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências. Aprende que paciência requer muita prática. Descobre que algumas vezes, a pessoa que você espera que o chute, quando você cai, é uma das poucas pessoas que o ajudam a levantar-se.
    (….). E você aprende realmente que pode suportar… que realmente é forte, e que pode ir mais longe, depois de pensar que não pode mais. E que realmente a vida tem valor diante da vida!”

     
  51. Maragata

    Encontro Nacional

    Contra
    A Violência E A Impunidade

    Sozinhos somos fracos, unidos somos força!

    Unir Para Mudar…

    13 de setembro às 15:00hs

    Praça Ramos de Azevedo – Em frente ao Teatro Municipal, São Paulo-SP

    ANDEC, Fora Lula, Grupo Guararapes, Movimento Paz Brasil, Tribuna Nacional, UND e UPEC

     
  52. Maragata

    ATENÇÃO RIO DE JANEIRO!!!!!!!!!

    LOCAL PARA MANIFESTAÇÃO:

    PRAÇA CARDEAL ARCO VERDE (COPACABANA)

    EM FRENTE A ESTAÇÃO DO METRÔ
    DIA 13/SETEMBRO 15:00 HORAS

     
  53. Maragata

    No próximo dia 13 de setembro, às 15:00hs, como anteriormente divulgado, a ANDEC juntamente com outros movimentos e associações promoverá uma manifestação contra a impunidade e a violência, frutos da política desse desgoverno.

    Esclarecemos que estão circulando convites onde constam entidades e movimentos que não participam da manifestação.

    Até o presente momento, são as seguintes as entidades apoiadoras do evento:

    AAgFISM
    ANDEC
    ARFM
    Fora Lula
    Grupo Guararapes
    Movimento Paz Brasil
    NIERJ
    UNCONFEST
    UND
    UNEMFA
    UPEC

    E, no Brasil, são esses os locais já confirmados:

    Em São Paulo, o encontro se dará na Praça Ramos de Azevedo, em frente ao Teatro Municipal.

    No Rio de Janeiro, na Praça Cardeal Arcoverde, Copacabana, em frente ao metrô.

    É só acessar o BLOG da ANDEC e fazer convites !!!

    Bora trabalhar !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    http://andec.blogspot.com/

     
  54. João Vergílio

    Delegado Protógenes,

    O senhor honrou o cargo que ocupa e os impostos que pagamos.

     
  55. René Amaral

    Eu também tenho vergonha de mim,
    de ter assistido a toda essa farsa e não sair na rua pra quebrar este estado podre onde somos obrigados a viver
    depois que os anos de ditadura levaram minha juventude e meus culhões,
    tenho vergonha de ver que Gilmares e Lulas são da mesma espécie que eu,
    quero me desvincular da raça humana,
    excomunhão biológica,
    virar bicho,
    pois bicho,
    não tem vergonha

    (parece que em muitos casos, os humanos também)

     
  56. fco

    Sua luta é bela. Nao desista…
    abraços fraternos

     
  57. Fabio Duarte

    Quero deixar registrado a minha solidariedade com o Dr. delegado Protógenes, em especial, pela sua coragem e determinação no combate à corrupção e o crime do colarinho branco. Os veículos de imprensa, tão condescentes com o sr Dantas, haja vista a Veja, quer denigrir a imagem do Dr. Protógenes e do diretor afastado da Abin, Paulo Lacerda. Ora, na república das bananas o criminoso dita as regras e impõe a lei e a justiça sob o pecha de “Estado Democrático de Direito”. Lamentável. Força Dr. Protógenes.

     
  58. Maragata

    Que homem não vacilaria ao enfrentar uma rede criminosa das proporções desta que se instalou no poder em nosso país???

    Seria louco se não vacilasse…

    Valerá a pena, sacrificar-se?
    Valerá a pena correr tantos riscos?

    Uma nação inteira aguarda sua resposta, Sr. Protógenes.

     
  59. Marco Aurélio

    Coragem cidadão Protógenes!!! Ser honesto neste país não é fácil!!!O renomado corifeu Rui Barbosa (1849/1923) assim se expressava, já naqueles idos anos: “DE TANTO VER TRIUNFAR AS NULIDADES, DE TANTO VER CRESCER AS INJUSTIÇAS, DE TANTO VER O PODER AGIGANTAR-SE NAS MÃOS DOS MAUS, DE TANTO VER PROSPERAR A DESONRA, DE TANTO VER A VERDADE VENCIDA PELA MENTIRA, DE TANTO VER PROMESSAS NÃO CUMPRIDAS, DE TANTO VER O POVO SUBJUGADO E MALTRATADO, O HOMEM CHEGA A DESANIMAR-SE DAS VIRTUDES, E RIR-SE DA HONRA, E A TER VERGONHA DE SER HONESTO! ”
    Qualquer semelhança com a atualidade seria simplesmente mera coincidência?

     
  60. Rodrigo Xande Nunes

    Meu caro e honrado homem,

    Em reforço ao seu texto, posto abaixo um texto que deve refletir seu sentimento, que, assim como o meu, é posto à prova diariamente. Faço desse texto o meu combustível diário contra a hipocrisia humana:

    Só de Sacanagem
    (Elisa Lucinda)

    “Meu coração está aos pulos!
    Quantas vezes minha esperança será posta à prova?
    Por quantas provas terá ela que passar?
    Tudo isso que está aí no ar: malas, cuecas que voam entupidas de dinheiro, do meu dinheiro, do nosso dinheiro que reservamos duramente pra educar os meninos mais pobres que nós, pra cuidar gratuitamente da saúde deles e dos seus pais.
    Esse dinheiro viaja na bagagem da impunidade e eu não posso mais.
    Quantas vezes, meu amigo, meu rapaz, minha confiança vai ser posta à prova?
    Quantas vezes minha esperança vai esperar no cais?
    É certo que tempos difíceis existem pra aperfeiçoar o aprendiz, mas não é certo que a mentira dos maus brasileiros venha quebrar no nosso nariz.
    Meu coração tá no escuro.
    A luz é simples, regada ao conselho simples de meu pai, minha mãe, minha avó e os justos que os precederam:
    ‘- Não roubarás!’
    ‘- Devolva o lápis do coleguinha!’
    ‘- Esse apontador não é seu, minha filha!’
    Ao invés disso, tanta coisa nojenta e torpe tenho tido que escutar. Até habeas-corpus preventivo, coisa da qual nunca tinha visto falar, e sobre o qual minha pobre lógica ainda insiste: esse é o tipo de benefício que só ao culpado interessará.
    Pois bem, se mexeram comigo, com a velha e fiel fé do meu povo sofrido, então agora eu vou sacanear: mais honesta ainda eu vou ficar. Só de sacanagem!
    Dirão:
    ‘- Deixa de ser boba, desde Cabral que aqui todo o mundo rouba.’
    E eu vou dizer:
    ‘- Não importa! Será esse o meu carnaval. Vou confiar mais e outra vez. Eu, meu irmão, meu filho e meus amigos. Vamos pagar limpo a quem a gente deve e receber limpo do nosso freguês. Com o tempo a gente consegue ser livre, ético e o escambau.’
    Dirão:
    ‘- É inútil, todo o mundo aqui é corrupto, desde o primeiro homem que veio de Portugal.’
    E eu direi:
    ‘- Não admito! Minha esperança é imortal!’
    E eu repito, ouviram?
    IMORTAL!!!
    Sei que não dá pra mudar o começo, mas, se a gente quiser, vai dar pra mudar o final.”

     
  61. Jurandir

    Tivesse nascido em pais de primeiro mundo V Sa. seria levado a condição de idolo, com grande apoio da sociedade. Infelizmente, aqui, é absolutamente claro a orquestração para apresentá-lo como disvirtuado. De qualquer forma parabéns e obrigado. ? Que será de nossos filhos ? Um forte abraço.

     
  62. Mario Maldini

    Isso aí abaixo foi escrito em 12.10.99 e eu nem sabia que o tal banqueiro era tranbiqueiro.

    BRASIL REPÚBLICA DOS PROXENETAS

    Será este um país sério?
    De Gaulle disse que não. Eu também o digo. A repulsa é maior do que o sentimento pátrio. Os ladrões pululam entre os gabinetes. Os estelionatários trafegam sob o sinal perenemente verde da cega justiça. A corrupção dantes apenas endêmica multiplica-se epidemicamente em todos os quadrantes da terra que dorme placidamente em berço esplêndido. A violência alastra-se e alça cada vez mais, vôos mais altos nas asas da impunidade.
    Todos Os poderes da república estão carcomidos. O vírus da criminalidade oficial já fixou residência definitiva nos porões da ilegalidade. O contágio é inevitável. Todos os segmentos da sociedade estão contaminados.
    Os escândalos econômico-financeiros proliferam em proporções dantescas. O enriquecimento ilícito é padrão de todas as cortes palacianas.
    Os tribunais de justiça, em todas as instâncias, estão eivados de réprobos togados.
    E nós’? Míseros espectadores do ascendente bandalho? Vítimas da violência em todas as suas cores, formas e dimensões? O que somos e quem somos? Nada mais do que inertes e esquálidas prostitutas sob o jugo dos PROXENETAS DA REPÚBLICA.

    Maceió, 12.10.99

     
  63. Walter

    Lamentavelmente, meu caro, a coisa vai é piorar!!! Com um povo cretino, estúpido e corrupto por natureza, não vejo grandes chances para essa terrinha aqui, não! Nossa única salvação, como diria um amigo, seria voltar no tempo e afundar as caravelas portuguesas!!!! No Brasil, honra, caráter e honestidade são defeitos!!

     
  64. Aurélio Neto

    Dr. Protógenes, grande homem o sr. é.
    Não se deixe levar pela lama que lava nossa sociedade.
    Mostrou com seu empenho, com sua determinação e acima de tudo, com a sua moral cívica que há luz no fim do túnel.
    Mesmo que queiram tapar o túnel, o sr. mostrou à todos nós que podemos manter a luz.
    PARABÉNS! E MUITA FORÇA!

     
  65. Pitágoras

    Os cidadãos de bem desse pobre país estão com você, o juiz de Sanctis e todos os que, anonimamente, pensam que a verdadeira civilização é aquela sob o império da lei; onde aa autoridades estejam a serviço do bem comum, ainda que arriscando a vida e a sua honra; onde os honestos não se envergonhem e a impunidade não prevaleça; e os mais altos cargos da república sejam ocupados por paradigmas da retidão, da integridade, do bem.
    Avante, delegado Protógenes, somos orgulhosos de você!

     
  66. HOMERO

    A honestidade e a lisura só deixam marcas e ganham destaque quando enfrentam o mal de frente. Desafortunados somos nós que não detemos esse legítimo poder para combatê-las e corroemo-nos por nossa medíocre impotência.
    Sorte termos bons exemplos para nos orgulharmos. Manteremos vivas nossas esperanças enquanto assim estiverem os que nos protegem. Parabéns pelo trabalho!

     
  67. Marcelo Santos - Por Um Brasil Melhor!!!

    Eu tenho orgulho de ti, meu caro Protógenes Queiroz! Você nos mostrou o quanto é árdua a tarefa dos bem-feitores da nação.

    Onde vagabundos são protegidos por quem deveria colocá-los na cadeia. E fico me perguntando, para que serve esse STF senão para achincalhar com a Constituição?

    A pose e a empáfia desse tal de GILMAR MENDES com aquele olhar de superioridade. Do “Eu, sou mais eu… olhem para mim!” é de denegrir, nós brasileiros, perante a Comunidade Internacional.

    Esse sujeito, junto com alguns de seus pares que compactuam com a bandidagem, deveriam ser extirpados daquele órgão.

    Não desanime meu caro! Pois pessoas como você são as nossas única, e porque não dizer última, esperança!

    At.

    Marcelo Santos
    Por Um Brasil Melhor!!!
    E menos podre!

     
  68. sonia soares

    o caminho é não desistir e continuar…acho que pelo menos aqui a gente se reanima e ganha força…com certeza o PIG, e os assessores de DANTAS/LULA vêm aqui todos os dias…ahahahh

     
  69. Alcinda

    Parabéns! Sr. Delegado
    Continue com esta força e esta coragem, pois elas dão ânimo a grande parte deste povo brasileiro. SOU SUA FÃ!!!!!
    Essa estória (estória mesmo) de grampos para mim, na verdade trata-se de uma forma de fornecer aos corruptos que estão no poder um sinal de alerta, ou seja, eles querem ser informados de algo sigiloso!!!! Se for assim, melhor não caracterizar como tal.

     
  70. edilson

    Sr.

    Protógenes,

    Obrigado por mostrar que, no Brasil, ainda existe gente séria, que não teme os desmandos do poder, nem cede aos caprichos dos “potentes”. Como jovem, parabenizo-o.

     
  71. JUSCELINO D. PEREIRA

    De toda essa vagabundagem de nossos mais altos dirigentes o que mais me irritou foi o sr lula dantas da silva , com um semblante irado , tipico de um cara pego com a boca na botija, mas na ilusao de se achar intocavel, foi chamar O DELEGADO PROTOGENES , de “cidadao” em tom pejorativo e denigritivo. Na proporçao o sr. lula, gilmar, tarso, pelos seus atos deveriam ser TRATADOS COMO “ELEMENTOS”. È o que são pelo que essa midia vigarista mostra. Outro detalhe extremamente vagabundo são os nossos jornalistas de plantao Cornos da ditadura, arautos das libertinagem, pseudos libertarios clamar POR ESTADO DE DIREITO . No Brasil estado de direito do jeito que eles querem só é bom para nossa administração corrupta e jornalistas libertinos. Pois o povo nunca o teve, somente nossos corruptos necessitam deles. Por isso brigam tanto.
    Delegado, usa o apoio do povao e nao te calas nao. Mande ver nesse vigaristas de plantao.
    Uma perguntinha que nenhum jornalisteco de plantao quis responder. Esse negocio do lula com dvd, gilmar, lulinha fazendas vrs milinoarios é fato ou boato?
    Voce que tá perto sabe ..
    SDS
    Se candidatar a presidencia meu voto é seu.

     
  72. Sebastião de Paula

    “Será que um funcionário de carreira, consciente de suas obrigações, direitos e deveres, colocaria em risco seu futuro e faria grampos sem autorização ?”

    “Será que alguns políticos são tão idôneos assim que possam dizer abertamente que não se importariam de serem invesigados ?”

    “Esta na hora de deixarem trabalhar àqueles que ainda fazem valer a bandeira da verdade e da honestidade”

     
  73. sonia soares

    visitei o blog da ANDEC e não recomendo…mas cada um tire suas conclusões…

     
  74. Robin Torres

    Meu amigo, não sei qual a tua filosofia, não sei se tens um Deus, não sei se entendes a fida como imortal; porém, quero que saibas, que todo bem que fizeres, retornará sempre a ti. Jamais envergonhe-se de SER BRASILEIRO, no mundo milhões gostariam de ser um. A alma brasileira tem algo que deixa a muitos sem entender do porque sermos assim, é que eles não entendem amamos mais que odiamos, enquanto eles odeiam muito. Continue a fazer o melhor, o que é bom, o bem. Aguarde, nada é por acaso, serás lembrado lá na frente e se mantiveres a humildade, não faltará reconhecimento e justiça. Fique em Paz, persevere no Bem e que Deus abençoe a todos os Brasileiros como Voce. Felicidades.

     
  75. Ítalo

    Parabéns. Você não está só, tem milhões de brasileiros com você.
    Força, não desista!!!

     
  76. Mário Gomes

    Parabéns Doutor Protógenes com “D” maiusculo mesmo. Quantas pessoas se solidarizando com vc. Isto prova que a grande maioria são pessoas de bem e são por essas pessoas que vc lutou e luta. Então não permitimos que se envergonhe. Enfrentou e venceu o que há de mais podre e poderoso neste País. Como sempre disse o Mino Carta: “qdo prenderem o dantas a República caia”. Tens dúvidas disso? Deus lhe dê Paz e proteção. Abs.

     
  77. Vera

    Concordo com a Sonia Soares> entrei no site da Andec e também não gostei. Por mais que estejamos indignados e não concordemos com a forma como as investigações estão ocorrendo, temos de ter o cuidado de não servir de massa de manobra para interesses não revelados de grupos mais interessados na bagunça, desordem e “quanto pior melhor”. Todos nós queremos um Brasil melhor, como também queremos zero de corrupção, respeito etc. Para isto temos formos de nos manifestar, conhecemos os e-mails dos políticos em quem votamos, podemos fazer por vários meios a pressão necessária para que as coisas ocorram visando o bem comum. Esta manifestação apregoada aqui pode não servir ao bem comum. Não vamos ser massa de manobra. O povo é inteligente. Existe inteligência no homem comum.

     
  78. Hugo Hermida

    Parabéns Delegado. O Senhor é um patriota e vergonha posso ter eu que não estava em seu lugar para prender o maior bandido que este País já viu. A luta continua.

     
  79. José Tadeu Viana Bento

    Delegado Protogenes não desanime,siga em frente.
    Precisamos muito de vçs.

     
  80. André

    Estado policialesco ou estado bandidalesco – qual você prefere?
    Amigos, o estado bandidalesco está instalado no país. Contra doença grave, o remédio será sempre amargo.

     
  81. Marina Maria

    Protógenes, PROTEJA-NOS!

     
  82. Domingos Carvalho

    Parabéns, meu caríssimo Dr. Protógenes!
    São de homens assim da sua estirpe que a nação brasileira não pode prescindir.
    Integro o número de milhões de brasileiros que o admira e que estará ao seu lado, cerrando fileiras em meio aos achincalhes dos corruptos indignos que envorgonham nosso país.
    Eia, avante, sus, coragem!!!
    DESISTIR JAMAIS!

     
  83. ana cristina

    Me orgulho de você e compartilho da sua luta. Sua força é também a nossa esperança.

     
  84. jose ruy rodrigues correa

    Desesperar jamais
    aprendemos muito nestes anos
    afinal de contas não tem cabimento
    entregar o jogo no primeiro tempo,
    nada de morrer na praia”, já dizia o poeta
    Ivan Lins.
    estou do teu lado Dr. Protógenes,
    Proto – inicio da pré hitoria da mudanças no brasil
    Genes – – O gene é a unidade fundamental da hereditariedade, de carater, honestaidade e
    da nova nação brasileira.

     
  85. Pedro Desgualdo Pereira

    ” eu queria ser burro…. assim não sofria tanto.”

     
  86. Adelson Ferreira Lima

    Caro, Protógenes!

    O senhor é um exemplo para todos NÓS BRASILEIROS, que sonha ter um dia um BRASIL LIMPO. Não devemos desistir desse sonho, não importa o que aconteça, pois, como já dizia Gandhi:

    “Nas grandes batalhas da vida,
    o primeiro passo para a vitória
    é o desejo de vencer!”.

    Você é, e será o início de toda essa luta incansável por um BRASIL LIMPO. Inspiraremos nas palavras de um autor desconhecido, que dizia:

    “Lutar sempre,
    Vencer talvez,
    Desistir jamais”.

    BRASIL, BRASIL, ACORDAS Ó MEU BRASIL, DEIXAIS DE SÉS BRASIS DE POUCO, E TORNAIS O BRASIL DE TODOS.

    Um forte abraço.

    Adelson Ferreira Lima

     
  87. Marlene

    Dr. Protógenes! No seu desabafo retrata exatamente como o povo tem se sentido em relação a tudo que está acontecendo, entretanto estamos do seu lado. Infelismente quem quer manifestação acaba dispersando pq misturam alhos com bugalhos ao incitarem manifestações “Fora Lula”…são oportunistas fazendo exatamente o que a oposição, mídia corrupta, Daniel Dantas e GILMAR MENDES querem, darem o golpe. Esses que se dizem estar ao seu lado ou estão mal informados ou agindo de má fé, esquecem que foi no Governo Lula que a operação Satiagraha teve início, desconehcem os poderes e os limites de um Presidente, esquecem que o Gilmar Mendes foi indicado pelo FHC e aqui no seu Blog querem se mostrar solidários convocando a turma que querem dar golpe e exigir a saída de um Presidente eleito democraticamente, ou seja estão do lado daqueles que querem a todo custo deturpar sua imagem, são lobos em pele de cordeiros! Mas tenha uma certeza DR. PROTÓGENES, os que realmente querem a lisura do poder Judiciário saberão mobilizar-se e separar o joio do trigo, e irão com certeza em defesa dos homens honrados que trabalharam durante 4 anos para prender os corruptos que hoje riem de nós. Não desista, ainda temos pessoas honestas que merecem nosso respeito e admiração e o SENHOR é uma dela. PARABÉNS PELO SEU TRABALHO, siga em frente, não desista precisamos de homens HONRADOS E DE CORAGEM e o senhor tem estas qualidades!

     
  88. Sérgio Lamarca

    Protógenes.
    Siga firme denunciando a corrupção, doa a quem doer.

     
  89. Fernanda

    Quando um Jornalista do quilate de Luis Nassif põe sua reputação em jogo para defender a verdade,quando uma parte considerável da população “esclarecida” (desculpa,aspas inevitáveis mas sem preconceito)lhe apóia,quando se faz todo o possível dentro dos seus limites,só se tem motivo de orgulho.Por enquanto são palavras,o importante vão ser os resultados e vislumbro alguns,sem utopia.
    Respeito seus limites,me atrevo porém a dizer que o Sr. ainda não sabe ou não confia nos nossos.Aguardemos; no entanto desde já e para sempre tenha meus sinceros agradecimentos.Clichê, eu sei,mas também inevitável: A luta continua!!!!

     
  90. Marcio Palma de Assis

    É necessário ser dito aqui que a GRANDE MAIORIA da população está do lado de homens como o Delegado Protógenes, que a GRANDE MAIORIA, apesar de não ter acesso às informações, de ter as que lhes chegam distorcidas, de não contar com os políticos por ELA eleitos, de não ter seus desejos e anseios realizados estão do lado certo, do lado Daqueles que lutam por um País melhor, Daqueles que um dia conseguirão colar gente como o senho Daniel Dantas em definitivo atrás das grades.
    Parabéns, Del Protógenes!
    Força, fé e confiança no POVO, pois o POVO sempre estará ao lado dos bons e VOCÊ é um deles.

     
  91. JORGE CORREA LIMA

    Dr. Protógenes.

    Estive hoje (10.09.2008) na Câmara de Vereadores de Goiânia. Sou advogado e tenho mais de 25 anos de luta contra essa turma pesada da OAB., a qual, após o novo estatuto virou, literalmente, uma turma de pelegos e cartolas do capitalismo selvagem. Uma vergonha, parafraseando o Boris Casoi, apesar de não ser seu fã.

    Sou solidário e tenho absoluta convicção da seriedade do seu trabalho. Sou leitor da Revista Carta Capital e sei muito bem quem são os bandidos nessa briga e, posso enumerá-los sem o menor erro. OS BENEFICIADOS DE SEMPRE DESSE PAÍS INJUSTO PARA A GRANDE MAIORIA DO SEU POVO: A GLOBO, A VEJA, O ESTADÃO, A FOLHA DE SÃO PAULO E AS DEMAIS GRANDES MÍDIAS QUE A COPIAM COMO SE FOSSE UMA ORQUESTA NACIONAL.

    O problema é que a sociedade e mesmo pessoas tidas como esclarecidas até no meio político de esquerda, confundem tudo, ou seja, não conseguem separar o joio do trigo.

    Em suma não consegue identificar no grande capital corruptor o maior inimigo da sociedade e, muito menos ainda, nos nossos empafiosos tribunais superiores como os seus deuses representantes aqui na terra.

    Portanto, sugiro uma corrente para tentar ao menos balançar essa estrutura falha, corrupta e corruptora.

    Minha proposta é tentar emplacar uma campanha cívica nacional PELAS DIRETAS JÁ PARA OS NOSSOS TRIBUNAIS.

    PENSEM NISSO E VAMOS PARA AS RUAS.

     
  92. Ronaldo

    Pessoas honradas e dignas como o Senhor é a esperança de que nem tudo está perdido… As mundanças na sociedade começam assim: com atos, condutas, como a sua; aparentemente, parecem não ser de nada significante, mas a história da humanidade tem nos provado, que grandes mudanças ocorreram com atos como o seu.
    Seja sempre firme naquilo que o Senhor acredita, e nunca esmureça; os seus valores morais — que dinheiro algum consegue corromper — será sempre a sua fortaleza! E, acredite, o Princípio Criador Inteligente (Deus!) nunca o deixará sucumbir.
    Deus te abençoê! E estou com você.

     
  93. Liana

    Coragem meu caro e não desista de ser quem é.
    Hoje a Comissão pegou pesado, você tem este veículo para dar nome aos bois, use-o, que nós divulgaremos.
    O Brail que pensa e quer a verdade tem orgulho de você.
    Abraços
    Eliane

     
  94. Geraldo Martins

    Parabéns amigo.
    A população brasileira está com você. Essa coisa toda é uma sujeira.

     
  95. CHRISTINA

    Dr. Protógenes,
    É com muita honra e contentamento que me atrevo a dizer-lhe que sua conduta profissional e acima de tudo cidadã oferecida a esta pátria,inspira jovens brasileiros que teimam em não sucumbir ao conformismo político-social que assola as mentes populares nacionais. Mantenha-se forte, pois, seu exemplo moral e digno terá interferência nos atos de uma geração futura;visto que, essa balbúrdia política fatalmente perderá força e espaço para o próprio egoísmo social que hoje o sustenta.
    Vossa Senhoria não está sozinho…
    OBRIGADA POR DEFENDER E ACREDITAR NUM PAÍS MELHOR!!!

     
  96. romério rômulo

    delegado protógenes:
    hoje você esteve em todos os principais blogs do brasil.neles a corrupção é combatida.
    minha solidariedade.
    romério
    http://romerioromulo.wordpress.com

     
  97. Alisson

    Protógenes, no futuro estes contratempos serão favoráveis à luta contra a corrupção.

    Somente lembrando, na década de 70 a população tanto rica mas principalmente pobre apoiava o regime militar, mais que hoje apoiam Lula, mas veio a crise monetarista internacional na década de 80 e o regime militar que era tudo de bom e se transformou em tudo de mal.
    Ou seja, a situação economica internacional propicia um poder ao atual governo, capaz de deturpar tudo, como no seu caso, tentam colocar como criminoso por abuso, o policial que desvenda o crime.

    Saiba que a mídia não convence a todos com esta lorota de abuso na escuta telefônica. Acho que a maioria da população sabe que o Gilmar e outros poderosos estão é morrendo de medo, provavelmente porque têm culpa, pois quem não deve não teme.

    Estamos com você e o tempo saberá reconhecer seu talento, sua competência e sobretudo seu caracter.

    Alisson

     
  98. Ana Laura

    Delegado Protógenes,

    Parabéns é pouco, é só uma palavra, acredito que, o que sentimos por sua postura profissional é muito mais que parabéns. No entanto, peço encarecidamente que não desanime, o resultado é lento é verdade, as vezes desanimador mas considere, por favor, apenas obstáculos do caminho e continue por você,por seus filhos e por todos nós cidadãos brasileiros.
    Mais uma vez, OBRIGADA!
    Ana Laura

     
  99. Luis Márcio

    Solidariedade!!!

     
  100. Andras Dobroy

    Prezado Protógenes,

    Meu nome é Andras Dobroy, nascido na Hungria (emigrei com meus pais para o Brasil em 1949). Sou Brasileiro naturalizado e amo este País.

    Acompanhei com grande interesse sua luta e li emocionado os versos de Cleide Canton e Ruy Barbosa que você colocou no seu Blog para transmitir seu estado de espírito. A título de um modesto gesto e mensagem de apoio gostaria de enviar para você as seguintes palavras de Martin Luther King:

    O QUE MAIS ME PREOCUPA NÃO É
    O GRITO DOS VIOLENTOS,
    NEM DOS CORRRUPTOS,
    NEM DOS DESONESTOS,
    NEM DOS SEM-CARÁTER,
    NEM DOS SEM-ÉTICA.

    O QUE MAIS ME PREOCUPA É O
    SILENCIO DOS BONS.

    Não esmoreça, seja um “agente da mudança”.

    Abraços,

    Andras Dobroy

     
  101. Carlinhos

    Sou apenas um brasileiro.
    Um brasileiro que nao tem nenhum parente importante, nenhum político importante é meu amigo o que me dá a certeza de nunca ser beneficiado com um cargo de salário poupudo e se a necessidade da presença diária.
    Um brasileiro que assistiu a tudo o que ocorreu com o mesmo sentimento de impotência que nos abraça sempre que fatos assim ocorrem. Os poderosos continuam a reger uma orquestra de hienas sedentas de dinheiro e poder. Esses nao permitem que pessoas dignas de honra ocupem cargos relevantes e que de lá possam vir a ameaçá-los.
    Sou apenas um brasileiro, mas um brasileiro que observa, vê e tem discernimento sufuciente para enxergar o que permanece inalterado em nosso amado Brasil, seja PT, PTB, PMDB e outros “P`s” da vida que estejam no degrau mais alto do poder, sempre haverá os que realmente mandam no país como o sr. banqueiro que se acha acima do bem e do mal.
    Pobres de nós brasileiros!

     
  102. Tereza Oliveira

    A Republica está na lama impregnada de bandidos, que fazer? vejam abaixo a noticia do blog do Amorim.
    Protogenes: Parabéns pelo seu trabalho e pela sua resistência, o Brasil se orgulha de você!!!!!

    . A interceptação telefônica realizada de forma legal na Operação Satiagraha – clique aqui para ler como a Operação fez a interceptação dentro da Lei – captou uma conversa entre o Ministro serrista Nelson Jobim, aquele que janta no Antiquarius, no Rio, com o sócio de Daniel Dantas, o Carlinhos Rodenburg, e o senador Heráclito Fortes, o líder da Bancada Dantas no Congresso.

     
  103. paulo renato

    estou contigo conta tudo, vamos revolucionar esse país, um aabraço e parabens

     
  104. Oswaldo J. Baldo

    Eu acho a Satiagraha um sucesso.Mesmo que todo mundo livre a cara não vai mais poder sair pela rua. ainda não é o fim da impunidade, mas o começo de uma tomada de consciência. Valeu Protógenes. O sr e o Paulo Lacerda já são uma referência em coragem e integridade. O mundo bizarro da imprensa de aluguel não poderá mudar isso, embora pareça que sim, estou certo que não. Um abraço. Oswaldo

     
  105. Gilmar Antonio Lisboa

    Caro delegado

    Me causa perplexidade a forma como políticos suspeitos de usarem seus cargos para usufruir de benesses suspeitas, magistrados enveredados em práticas irregulares e jornalistas sem ética e imbuídos em métodos anti-éticos e a serviço de empresários como o safado do Daniel Dantas tentam desqualificar pessoas honestas como o Sr. e outras autoridades, como membros da Abin e das Forças Armadas no episódio em que se investigava o dono do Opportunity, que de santo não tem nada. É sabido que o tal Dantas bancou campanhas políticas e beneficiou, e ainda beneficia, juízes, jornalistas e parlamentares com gordas propinas e por isso está empenhado em campanha para denegrir a imagem de autoridades do seu gabarito. Esse País é mesmo uma vergonha. Ao invés de se seguir adiante com as investigações para punir o tal de Dantas e seus “cupinchas”, procura-se punir quem quer seguir a lei. Sou favorável que se coloque escuta até no banheiro do STF, do presidente Lula e de todos os safados do Congresso para que a opinião pública saiba do movimento dessa trupe oficial que protege bandidos como o Dantas. Sou jornalista e não compactuo com a campanha que fazem contra o Sr. e as autoridades de bem. Tem o meu apoio.

     
  106. Valdir Rabelato

    Parabéns Dr Protogenes,quem dera o país fosse feito de homens com o Sr,com certeza desconheceriamos a palavra corrupção.Sou Agente de segurança do Estado de São Paulo conte comigo.(grampo neles)

     
  107. Leila Brito

    Enredo Dantesco

    Leandro Fortes
    CARTA CAPITAL – 12/09/2008
    Na quinta-feira 11, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, desistiu de ir depor, como convidado, à Comissão Parlamentar de Inquérito das Escutas Clandestinas da Câmara dos Deputados, a CPI dos Grampos. Mendes deveria prestar esclarecimentos sobre uma denúncia da revista Veja, reforçada por ele, mas jamais comprovada, sobre um grampo ilegal feito nas linhas dele e do senador Demóstenes Torres, do ex-PFL de Goiás. Sem provas e sem argumentos, o ministro preferiu o silêncio. Deixou como rastro, no entanto, uma inédita interferência do Judiciário na vida política do Brasil, iniciada depois da prisão do banqueiro Daniel Dantas, em 8 de julho, durante a Operação Satiagraha, da Polícia Federal.

    Depois de libertar Dantas duas vezes em menos de 48 horas, mudar a lei do uso de algemas, forçar a revisão da legislação das escutas telefônicas e chamar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva “às falas” por causa de um grampo feito supostamente pela Abin, Gilmar Mendes iria ainda se superar no Conselho Nacional de Justiça, órgão criado para fazer a fiscalização externa do Judiciário – mas, incrivelmente, dirigido pelo presidente do STF. Após ouvir Mendes, o CNJ decidiu criar uma central estatística de grampos e padronizou as regras a serem seguidas pelos magistrados para a concessão das interceptações telefônicas legais.

    Assim, juízes de todo o Brasil deverão enviar, mensalmente, às corregedorias dos tribunais a quantidade exata de grampos autorizados e os números dos ofícios expedidos às companhias telefônicas. Até o décimo dia de cada mês, as corregedorias deverão enviar ao CNJ essas informações, a serem catalogadas pelo nome do magistrado. O conteúdo das informações, os nomes dos titulares dos telefones e os números dos aparelhos interceptados, no entanto, continuarão sob sigilo. Só poderão ter acesso a tais informações os policiais, membros do Ministério Público e magistrados responsáveis pelas investigações, além das operadoras de telefonia. Aliás, exatamente como acontece, atualmente, no caso das escutas legais.

    A intenção da medida, no entanto, nada tem a ver com preciosismos legais. Com informações personalizadas, o CNJ, o ministro Mendes à frente, poderá localizar – e punir – os “excessos” de juízes como Fausto De Sanctis, da 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo, responsável pelo processo decorrente dos dados apurados na Operação Satiagraha, comandada pelo delegado Protógenes Queiroz. Gilmar Mendes, na verdade, queria um sistema capaz de monitorar em tempo real a quantidade de interceptações autorizadas, mas resignou-se, por enquanto, ao controle burocrático dos grampos.

    A decisão do CNJ é apenas o ato mais recente da nascente ditadura do Judiciário implantada por Gilmar Mendes sob as barbas do presidente Lula e o olhar de paisagem do presidente do Congresso Nacional, senador Garibaldi Alves (PMDB-RN). Tudo no rastro de uma acusação que resultou no afastamento do diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Paulo Lacerda, sem uma única prova de culpa e, pior, baseada numa acusação falsa perpetrada pelo ministro da Defesa, Nelson Jobim. No auge da crise, depois de Lula ter ido “às falas” com Mendes, Jobim referendou a tese de ter sido a Abin a responsável pelo grampo ilegal depois de acusar Lacerda de comprar um equipamento de escuta para a agência.

     
  108. joão spalloni

    Dizem que o povo brasileiro é cordial. Mentira! O povo brasileiro é covarde, daí esse estado de coisas!”Rousseau” já proclamara em seu “Contrato Social”: “o escravo perde tudo sob o jugo dos grilhões, até o desejo de rompê-los”.

     
  109. rafael peixoto

    DR. PROTOGENES,JAMAIS DESANIME.
    A DESEMBARGADORA SUZANA CAMARGO, QUE TERIA OUVIDO O JUIZ FAUSTO DE SANCTIS FALAR SOBRE SUPOSTO GRAMPO, EM 2001, SEGUNDO A FOLHA, ELA JA OUVIA FALAR DE COISAS…
    SEGUE O LINK E A REPORTAGEM DA JUIZA QUE ESCUTA VOZES
    http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u26649.shtml

    http://www.sellinas.com.br/VendasDeDecisoes.htm

     
  110. TEREZA

    O Brasil, senhores, sois vós. Não são os comensais do erário. Não são as ratazanas do tesouro. Não são os mercadores do parlamento. Não são as sanguessugas da riqueza pública. Não são os falsários de eleições. Não são os compradores de jornais. Não são os corruptores do sistema republicano. Não são os ministros de tarraxa. Não são os presidentes de palha. Não são os publicistas de aluguel. Não são os estadistas de impostura. Não são os diplomatas de marca estrangeira. São as células ativas da vida nacional.
    É o povo, num desses movimentos seus, em que se descobre toda a sua majestade. “”
    Rui Barbosa

    PS: MEU COMENTÁRIO DE APOIO FOI RETIRADO?

     
  111. JOSÉ ROBERTO

    A esperança de um país melhor era até então, patrimônio dos humildes e despreparados intelectualmente; à classe privilegiada deste país, cabia apenas a descrença e o pessimismo exacerbado; graças ao surgimento de nosso herói Protógenes, toda a nação brasileira pode finalmente se igualar em crença, fé e otimismo; como nós brasileiros precisamos de heróis ! Chegará um dia em que todos nós seremos os heróis de nosso destino e de nossa terra.

     
  112. Leila Brito

    Homens Honrados
    Dr. Protógenes Queiroz, o Senhor nos enche de ORGULHO. É simplesmente maravilhoso ver surgir do CAOS em que se encontra os podres poderes da República Federativa do Brasil, homens íntegros, que honram sua missão profissional. Continue lutando porque o Senhor não está sozinho – tem milhôes de brasileiros do seu lado. Estendo meus cumprimentos ao Delegado Paulo Lacerda e ao Juiz Fausto De Sanctis. O processo de inversão de valores orquestrado pelos ladrões dos cofres públicos prossegue com o apoio do Presidente da República, mas nós, cidadãos de bem, estamos atentos a essa suja manobra que tenta manchar a honra da PF e da ABIN – as duas instituições de segurança que protege os interesses nacionais, os interesses do povo. Eles podem tentar de tudo, mas será impossível ter êxito junto à população brasileira, pois como disse o Senhor nesta entrevista, todos que estão com o rabo preso ao criminoso Daniel Dantas estão se revelando neste jogo sujo. Está fácil identificá-los, a começar pelo Presidente Lula (pai do Lulinha amigo do Dantas), Gilmar Mendes, Nelson Jobin… O desespero deles é visível. É aquela velha história: o feitiço virando contra o feiticeiro.

     
  113. RUBENS PROENCA

    Gilmar Mendes e o Estado de Direito

    por Francisco Pinheiro Rodrigues, advogado e desembargador aposentado, em seu blog

    Poucos foram os presidentes do Supremo Tribunal Federal tão polêmicos quanto o atual, Min. Gilmar Mendes. Provavelmente nenhum. Note-se que está apenas no início de seu termo. Há muito chão pela frente. Chão trepidante, de terremoto. Nossos edifícios jurídicos vão tremer nos alicerces. Profecia fácil será dizer-se que o biênio de sua presidência será bastante conturbado, conseqüência do seu temperamento forte e defeitos de suas qualidades, ou vice-versa. É sabido que certas virtudes e certos defeitos são parentes próximos.

    Essa previsão que não representa nem crítica nem elogio à sua pessoa. Tolerância com opinião divergente, a velha “diplomacia” — algo que falta um pouco ao ilustre ministro —, não significa, necessariamente, avanço institucional. Pode até significar atraso, pasmaceira, “moleza”, falta de energia em alterar o que deve ser alterado. O mesmo pode-se dizer do excesso oposto, uma exagerada auto-confiança, que pode ser interpretada — ou descambar mesmo — para a arrogância e truculência, gerando nos mal-acostumados poderosos do dinheiro a falsa sensação de que seus crimes, como é da tradição — agora nem tanto… —, ficarão impunes. Não por remotamente imaginarem que o alto magistrado seja corruptível — porque isso ele não o é —, mas por acreditarem que sua visão “legalista em excesso” acabe beneficiando-os “extraordinariamente”, já que falamos em última instância. Afinal, pensam tais “espertos” — e expertos — político-financeiros: “prisão não foi feita para nós, os “bambas dos números”, só para os pequenos, mentalmente limitados”.

    Falei atrás em impunes, os “maiorais”, em razão da prescrição, ou do enfraquecimento da investigação policial, intimidada ou indiretamente obrigada a alertar os meliantes poderosos — com inquéritos acessíveis aos investigados — qual a prova que pretende recolher em seguida.

    A sorte do combate ao crime do colarinho branco, no Brasil, depende muito do rumo de sua atuação como chefe do Judiciário. Seu futuro, e o da Corte, e o nosso — como cidadãos e contribuintes “afanados” —, dependerá muito de seu temperamento, de sua capacidade de auto-controle, da reação de seus pares, da mídia, dos chefes dos demais poderes e do… acaso, esse imponderável que edifica ou desmorona reputações.

    Vejamos o lado bom de sua atuação.

    O enérgico Ministro Presidente tem razão em criticar o uso de algemas quando o indiciado não oferece perigo de resistência física. A possibilidade cinematográfica do astuto financista aproveitar um descuido do policial que o conduz, sacando sua arma, é praticamente impossível. O mesmo não se diga de um assaltante ou chefe do tráfico de drogas, mais habituado a reações físicas. O financista desonesto é perigoso com seu cérebro e sua máquina de calcular, não com seus músculos, geralmente flácidos, embora talvez bronzeados.

    Igualmente, é abusivo “grampear” os telefones dos defensores de financistas, com possibilidade de conhecer todos os segredos do advogado, incluindo sua vida privada, senhas de cartão, etc. Também errado apreender seus computadores, que podem conter dados sigilosos não só do patrono como também de seus familiares e clientes que nada têm a ver com o crime investigado. Essa apreensão só seria admissível se a autoridade policial mostrasse — ao juiz competente para autorizar o “grampo” — provas ou indícios robustíssimos de que o advogado, ele mesmo — não o cliente — é o criminoso. O mesmo ocorre com a eventual e rara suspeita de que um magistrado está, por exemplo, vendendo decisões. Nesses casos, o valor da privacidade cede espaço à necessidade mais imperiosa de combater o crime. Nenhum autoridade, ou profissional, está acima do bem e do mal. No tempo do Império, no Brasil, um desembargador, Motta Coqueiro, ensandecido pelo ciúme e traição de sua amada matou e esquartejou uma mocinha, filha de mendiga, guardando seus pedaços em um baú forrado de metal. Se, àquele época, houvesse telefone e fosse preciso colocar uma escuta para comprovar a conversa do homicida com quem o auxiliou na lúgubre tarefa, certamente a escuta teria sido autorizada. Tem razão, portanto, o ilustre chefe do Judiciário, no alertar contra abusos. Não, porém, contra o bom uso, deferido pelo juiz.

    Agora, o lado inquietante.

    Em reação contra tais abusos ele propõe um excesso contrário: quer uma modificação legislativa que intimide fortemente qualquer policial, promotor ou juiz que invada a tênue “zona cinzenta” do que pode, ou não, ser utilizado na investigação das tortuosas e complicadas transações financeiras. É o que os grandes infratores do colarinho branco queriam ouvir… Foguetes! Algo que intimide quem pretenda investigá-los! E quer, ainda, que os processos contra tais “invasores de privacidade” tenham rápida tramitação.

    A opinião pública — mesmo não composta de grandes juristas, mas com bom-senso —, deve estar se perguntando: já que S. Exa. pressiona os demais poderes, sugerindo modificações legislativas que punam rapidamente os abusos de autoridade, por que não aproveita a oportunidade para sugerir, igualmente, alterações legislativas simples que apressem a tramitação dos processos nos crimes de colarinho branco? Medidas que evitariam a prescrição, fuga dos réus antes da longínqua condenação final e a má-impressão causada pelo cumprimento das (poucas) condenações em prisão domiciliar de luxo.

    Cada vez mais, o país conclui, grosso modo, que “rico não vai para a cadeia”. Quando vai é por poucos dias. E por que isso acontece? Porque nossa Constituição diz, no inciso LVII do art.5º, que “ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado da sentença penal condenatória”. Trata-se de uma disposição óbvia e que nem precisaria constar na Constituição. É claro que, sendo ainda possível um recurso contra a condenação — recurso que poderia reconhecer a inocência do réu — não se poderia falar em “culpado”, a menos que — à semelhança de uma grotesca “gravidez provisória” —, ele fosse um “culpado provisório”. Penso que na maioria dos países cultos não consta isso, expressamente, em suas constituições. Em países que admitem a pena de morte, por exemplo, réus com recursos pendentes na instância final, não são enforcados, porque, se bem sucedidos, não seria possível “desenforcar” o réu.

    Uma coisa é concordar que “culpado” é quem foi condenado em última instância. Outra, “presumir sua inocência”, mesmo quando já pesam contra ele duas, três ou quatro condenações: na primeira instância, no tribunal de apelação, no STJ e no próprio STF, quando ainda cabe lá algum recurso, entre eles os embargos de declaração. Que “presunção de inocência” é essa, depois de tantas condenações? Convém, portanto, segurar esse cidadão, com uma prisão preventiva, porque ele jamais aguardará, em sua casa, a chegada do oficial de justiça com a ordem de prisão, quando esgotadas todas as instâncias. Ele só não fugirá se souber que a decisão final lhe concedeu alguma vantagem que o livre da humilhação do cárcere. Isso é humano e natural, inclusive considerando as péssimas condições de nossas cadeias.

    Nenhum advogado criminalista — eu mesmo, se estivesse advogando — deixaria de aconselhar o cliente a se ausentar por uns tempos — uma “viagem urgente de negócios” —, na iminência de uma última decisão que poderia trancafiá-lo por um bom número de anos. Nenhum advogado, em parte alguma do planeta, seria tão fanático pelo império da justiça, a esse ponto. Se, eventualmente, como um santo meio desequilibrado, não desse tal conselho, pelo menos teria a obrigação de alertar o cliente quanto ao que poderá lhe acontecer com o trânsito em julgado da decisão que o condenou.

    Alguém dirá que no Brasil a justiça é morosa, não sendo razoável manter alguém preso por vários anos, com possibilidade, ainda que remota, de ser absolvido na última instância. Para evitar isso, bastaria que a lei desse um prazo máximo de 180 dias, em lugar dos atuais 81, para as prisões preventivas, com total preferência de julgamento em todos os tribunais. Essa mesma urgência que o ilustre Ministro Gilmar pretende para julgar autoridades que abusem, deveria ser sugerida no julgamento dos crimes do colarinho branco. Havendo duas condenações, em duas instâncias — ou mesmo bastando uma —, a presunção seria de culpa, o réu aguardando preso o término do processo, mesmo esgotados os 180 dias.

    Crimes financeiros, com formação de quadrilha, são, usualmente complexos. E justamente porque são complexos, mais demorada a sua instrução, com perícias, precatórias, talvez rogatórias, etc. Daí justificar-se que o tempo da prescrição, em tais casos, seja dobrado ou triplicado, contando-se novo início de contagem em cada julgamento, porque com este o Estado comprovou não estar inativo. Com medidas simples como estas é possível reduzir a impressão de impunidade que corrói a credibilidade popular de nossa justiça penal. E os juízes, em sua vasta maioria, não são responsáveis por tais facilidades, amarrados que estão à atual legislação, inocente ao extremo.

    Sabe, o leitor — pergunta-se —, por que o “povo” quer ver os “grandes” com algemas e entrando na parte traseira da viatura policial? Não é só por inveja dos ricos. Há ricos respeitados. A satisfação popular está em saber que, “já que não ficará na cadeia, o “malandro” pelo menos teve que entrar algemado na viatura!” Uma compensação mesquinha, algo primitiva, mas com alguma justificação psicológica.

    Os críticos das prisões preventivas, algemas e escutas telefônicas — espanta-me que os criminosos ainda troquem idéias pelo telefone… — a todo momento argumentam com a necessidade de “defesa do estado de direito”, esquecidos que em um verdadeiro “estado de direito” os crimes são punidos. Se não o são, por isso ou por aquilo — por falhas da lei ou interpretações tolerantes demais — não estamos em um “efetivo estado de direito”. É dever do Estado punir os criminosos, de qualquer classe social, principalmente aqueles que desviam enormes somas de dinheiro. Eles são lesivos não só pelo dinheiro desviados como também porque estimulam, pelo mau exemplo, a criminalidade de rua. Assaltantes, seqüestradores e traficantes tentam se desculpar: “Por que só eles podem roubar? Se eles podem, eu também posso. E se tiver sorte, poderei me tornar um “bacana”, caso não seja pego antes de ficar rico”.

    Finalmente, algo sobre a prisão temporária e o sigilo do inquérito policial. Que o réu e seu defensor devam ignorar os próximos passos da polícia, nas investigações, parece-me um direito elementar da acusação. Assim como a polícia não pode invadir o escritório do advogado, em busca de prova contra o cliente, não tem sentido o defensor saber, de antemão — lendo o inquérito todo dia —, qual o passo do delegado na busca das provas. Sabendo-o, é claro que alertará o cliente para fazer desaparecer ou alterar a prova. Se esse acesso total ao inquérito passar a existir, prevê-se que a autoridade policial passe a elaborar uma espécie de “inquérito reservado, nº 2”, informal, para fazer as diligências não anunciadas no inquérito normal. O “contraditório penal” só existe na justiça, após o recebimento da denúncia, não na fase de investigação.

    Para encerrar, algo extremamente controverso mas que penso merecer discussão: o direito absoluto ao silêncio, sem qualquer conseqüência negativa na formação do convencimento do juiz. Se o indiciado no inquérito e o réu, em juízo, têm um direito sagrado de se calar — sem que desse silêncio resulte a menor presunção de culpa —, tanto a prisão provisória quanto o interrogatório são peças inúteis. Para que o juiz designar data para interrogatório? Melhor seria o juiz consultar “sua excelência, o réu”, indagando se vai ou não responder às perguntas do magistrado. Com as complexidades da vida moderna não tem mais sentido dispensar a versão do próprio réu sobre os fatos. É nas suas contradições que pode despontar a verdade. Que se respeite seu direito ao silencio, está correto — porque seria absurdo qualquer tortura para forçá-lo a falar — mas inibir o julgador de extrair alguma ilação quanto à culpa dele, pela sua recusa em se explicar, já é enfraquecer a defesa da sociedade. Todos devem cooperar na busca da verdade. Principalmente quem está sendo acusado de algo.

    Já abusei da paciência do leitor. Espera-se que o impulso de urgentes modificações legislativas, do ilustre ministro do STF, não dê a impressão de se preocupar mais com os direitos dos criminosos do colarinho branco do que com os direitos da sociedade, muito mais merecedores de atenção. Alguns de seus inimigos aventam, na mídia — talvez mesquinhamente —, a discutível hipótese de que o referido jurista tem outros planos, ainda mais altos que a presidência que agora ocupa. Se esse for o caso — e não haveria nada de censurável nisso —, saiba sua excelência que o povo e seus ex-colegas de magistratura o apoiarão, de coração, se perceber que ele, em nova função, em outro poder, empregará sua energia sugerindo leis em favor de todos, ricos e pobres, diminuindo a sensação de impunidade que envenena o país.

     
  114. Raul

    Parabéns, continue firme nessa luta para passar o País a limpo.

    Navegando na internet, achei esse texto, que explica um pouquinho qual é a desse ministro da Defesa:

    A CARREIRA DE NELSON JOBIM*

    *Folheando os arquivos do “HP”, chamou-nos a atenção uma foto onde
    está
    retratada a intimidade de dois grandes aprochegados. A imagem mostra
    Fernando Henrique e Nelson Jobim em plena atividade de banhistas em
    São
    Pedro da Aldeia, Estado do Rio de Janeiro. A foto é algo esquisita,
    mas,
    dirá algum leitor de boa fé, qual o problema de Jobim ser “amigo” de
    Fernando
    Henrique se, afinal, algumas pessoas de bem já se enganaram com ele?*

    *No entanto, este não é caso do senhor Nelson Jobim. Uma pequena
    pesquisa
    mostra que a sua carreira se assemelha à de Fernando Henrique para
    quem prestou serviços durante anos, no que se refere à submissão aos
    monopólios estrangeiros, sobretudo, o financeiro, quanto nas
    tentativas de
    rasgar a Constituição de 1988, que ele (Jobim), confessou que fraudou,
    incluindo nela artigos que não foram aprovados pelos constituintes. *

    *FERRÃO *

    *Durante anos, Jobim, como lembrou o jornalista Sebastião Nery, ao
    mesmo
    tempo em que era deputado federal, mantinha um famoso escritório de
    advocacia em Brasília, o “Escritório Ferrão”, nome derivado de seu
    fundador.

    Os sócios eram Jobim, Eliseu Padilha, futuro deputado e futuro
    ministro
    (também de Fernando Henrique), e o citado Ferrão. Os nomes dos três
    estavam numa placa de bronze no Edifício Belvedere, Asa Sul, onde
    ficava o
    escritório.

    A fama do estabelecimento não era devida ao saber jurídico de seus
    integrantes, mas ao seu pioneirismo no lobby em favor de
    multinacionais,
    bancos estrangeiros e outras instituições filantrópicas, inclusive o
    maior
    banco dos EUA e maior credor da dívida pública brasileira, o Citibank.
    Em
    suma, Jobim advogava a favor de seus clientes no Congresso.*

    *Jobim foi eleito deputado pela primeira vez em 1986. Reeleito em
    1990, em
    1994 não se candidatou. Em vez disso, foi nomeado ministro da Justiça
    por
    Fernando Henrique. Sua vaga de deputado foi preenchida pelo sócio,
    Eliseu
    Padilha.

    O “Escritório Ferrão” continuou a ter um representante no Congresso e
    outro no Ministério. E quando Jobim, em 1997, foi nomeado para o
    Supremo
    Tribunal Federal, adivinhe o leitor quem se tornou ministro de
    Fernando
    Henrique?
    Acertou: Eliseu Padilha.

    Pelo jeito, o “Escritório Ferrão” foi uma verdadeira escola de homens
    públicos com a ajuda do Citibank e outros co-irmãos, produziu, em
    apenas 20 anos, dois ministros, dois deputados e um membro do STF.

    Considerando que esses cinco homens públicos eram apenas duas pessoas,
    o
    Ferrão, com uma pequena ajuda do Citibank, deve ser mais eficiente do
    que o
    maquiavélico cardeal Richelieu. *

    *FRAUDE *

    *Como deputado, Jobim virou líder do PMDB. Mas, liderou pouco ou nada
    o
    partido. Sua principal atividade na Constituinte, confessada 15 anos
    depois, foi fraudar a Constituição de 1988. Segundo suas próprias
    palavras,
    incluiu dois artigos que não tinham sido aprovados.

    Um deles, revelou, foi o que falava da harmonia entre os poderes,
    harmonia
    muito desejável, mas que não pode ser determinada pela Constituição,
    pela
    simples razão de que os interesses do povo e do país estão acima de
    tal
    harmonia, coisa que o impeachment de Collor é suficiente para provar.*

    *Jobim não revelou o outro artigo que fraudou, mas um estudo,
    realizado
    pelos professores Adriano Benayon e Pedro Dourado de Rezende, mostra
    que ele
    adicionou três incisos ao artigo 172 da Carta Magna, para proibir que
    os
    recursos destinados ao “serviço da dívida” (isto é, ao pagamento de
    juros
    aos bancos) pudessem ser remanejados no Orçamento.

    Em suma, como constituinte ele não passou de um advogado do Citibank.
    Como o estudo ressalta, a falsificação de Jobim fez com que “o serviço
    da
    dívida fosse multiplicado”, isto é, com que o país fosse obrigado, por
    uma
    norma ilegalmente enfiada na Constituição, a locupletar os cofres de
    Wall
    Street.*

    *Quando sua confissão provocou um escândalo, Jobim, que antes relatou
    o
    fato como quem conta uma vantagem, atribuiu a falsificação ao
    presidente
    da Constituinte, Ulysses Guimarães, que, falecido 11 anos antes, não
    podia
    se defender. Porém, não precisava. Não há quem desconheça a
    integridade e a
    grandeza de Ulysses e sua repulsa visceral à trapaça, sobretudo quando
    contra o Brasil. *

    *LOBISTA *

    *O próximo passo de Jobim foi articular o posto de relator da Revisão
    Constitucional, determinada pela própria Constituição para cinco anos
    pós
    a sua promulgação. A maioria do leitores deve se lembrar da campanha
    das
    multinacionais e bancos estrangeiros, através de sua mídia, contra a
    onstituição de 1988.

    A Revisão era exatamente a oportunidade que eles aguardavam para lterá-
    la,
    isto é, rasgá-la. Daí o empenho em colocar Jobim como relator. Na
    época,
    ainda não era conhecido como lobista do capital estrangeiro, o que
    facilitou o intento.*

    *O que suas propostas tentavam modificar na Constituição?

    Precisamente, os dispositivos que diferenciavam a empresa nacional
    da empresa estrangeira; que declaravam o petróleo um bem nacional a
    ser
    explorado pelo Estado; que impediam a doação das empresas públicas de
    telecomunicações aos monopólios privados estrangeiros; que limitavam
    os
    juros reais em 12% ao ano; que impediam a privatização da
    previdência; que
    consagravam os direitos trabalhistas como norma constitucional.

    Em suma, as alterações eram todas no sentido de permitir a
    privatização do
    patrimônio público, a desnacionalização da economia e das riquezas do
    país
    e atentar contra as conquistas dos trabalhadores.*

    *Foi um fracasso. Dos 74 projetos de alteração da Constituição que
    Jobim
    apresentou, somente seis foram aprovados.

    Um deles, o Fundo Social de Emergência, em seguida usado por Fernando
    Henrique para desviar dinheiro da área social para os juros dos
    bancos.

    Os outros, insípidos, inodoros e incolores, com exceção do que reduziu
    o
    mandato do presidente de 5 para 4 anos, um caminho aberto para que
    Fernando Hnrique, em seguida, pretextando o pouco tempo de mandato,
    tramasse, à custa de várias malas escuras, a reeleição.*

    *Nessa época, em discurso na Câmara, o deputado Paulo Ramos denunciou
    que o relator Nelson Jobim se reunia três vezes por semana com um
    instituto, formado por multinacionais, o Instituto Atlântico, cujo
    objetivo
    era”influir” nas mudanças da Constituição.

    Jobim prometeu processar o deputado, mas até hoje, 14 anos depois, não
    o
    fez. Paulo Ramos continua mantendo a totalidade da denúncia. *

    *Em 11 de junho de 2002, Jobim assume a presidência do Tribunal
    Superior
    Eleitoral, para organizar as eleições de outubro de 2002, quando José
    Serra, seu padrinho de casamento e ex-colega de moradia, disputou a
    eleição com o presidente Lula.

    O primeiro golpe foi a mudança da legislação eleitoral pouco antes do
    pleito instituindo a chamada verticalização, que só favorecia Serra.*

    *Nesse mesmo ano, Jobim trabalhou até de madrugada (literalmente) para
    conceder liminares e para orientar os serristas do PMDB – seu sócio
    Eliseu Padilha e outros – a cancelar convenções com a intenção de
    impedir a
    candidatura própria do partido e jogar a legenda no colo de Serra,
    contra
    Lula.

    Com o “trabalho” de Jobim, o PMDB lançou uma senhora como vice de
    Serra,
    fato que levou o setor mais progressista do PMDB a apoiar Lula já no
    primeiro turno.

    E também cassou o mandato do então governador Mão Santa, na época
    alinhado com a candidatura de Lula, a dois meses de completar seu
    mandato no Piauí, empossando o aliado de Serra, Hugo Napoleão, em um
    processo que era, em si, uma chicana – e das mais cretinas.*

    ==========

    Gostaram ?

    Esse é “o cara” cuja ambição maior é ser presidente da república…. e
    é seu principal projeto de vida.

    Mais um do ninho de serpentes do fhc – olho nele !!!!!

     
  115. Gustavo Barbosa Lima

    Delegado Protógenes Queiroz,
    Saiba que exite uma grande força em movimento à favor da sua Seriedade, Moralidade,Ética,Profissionalismo, Determinação,Competência e Integridade Moral.
    Persevere!
    Forte abraço.
    Gustavo Lima.

     
  116. MirianPizolatiCardoso

    Delegado Protógenes
    Assim como vc esua esposa tem o Juan , meu marido e eu temos tbém nossos 2 filhos Daniela e Estevão e sei q/ é para eles q/ queremos q/ este país seja exemplo de justiça e não de arbitrariedades( como a tantas décadas tem sido) e q/ só é conhecido pelo mundo afora como o país para onde os bandidos fogem p/ esconderem-se. Foi muito emocionante te-lo encontrado pessoalmente e à sua família.Que Deus os abençoe e proteja! Minha mãe reza muito por vcs. e ainda não acredita q/ o abraçou. obrigada pelo q/ faz por todos nós, pois se uma imagem vale mais q/ mil palavras , um exemplo vale mais q/ tudo.
    Mirian Pizolati Cardoso ( odontopediatra)

     
  117. Rachel

    Gostaria de saber como está o Dr. Protógenes diante disso tudo? Estou rezando muito para que tudo se resolva. Dr. Protógenes é um grande homem, patrióta. Deus está do lado dos justos e conhece o caração deste bravo guerreiro.

    Tudo de bom para o Dr. Protógenes.

    Vitória!!!!!!!!!!!!

     
  118. Novinha

    Parabéns!!!!

    Você e o Sr. Paulo Lacerda conseguiram mexer com todos, bons e maus, embora todos graúdos. Sabemos que vocês estão passando por pressões enormes e que, muito embora já soubessem que poderiam ser vítimas das aflições, elas sempre nos atingem com maior intensidade do que a esperada, não é mesmo?!

    Apesar desses dissabores, conseguiram. Conseguiram fazer com que os bons e maus se expusessem. Conseguiram fazer com que o Judiciário desnudasse a fragilidade de sua estrutura arcaica, carcomida e que sua base, aqueles que são verdadeiramente concursados, enfim se manifestassem, rompendo com o ortodoxo silêncio, ainda que dando a face aos bofetes em defesa dos justos. Que façanha!

    Conseguiram desnudar mais uma vez as máscaras da mídia, que, em verdade, só expõe o que lhe interessa, digo, o que interessa quem lhes financia. Conseguiram fazer o país pensar e repensar: o que podemos fazer para recontar a história desse filme de terror que estamos assistindo estarrecidos, dessa Matrix que estamos vivenciando?

    Já tentaram de tudo, ou pelo menos, quase tudo:disseram que os grampos foram ilegais, quando a sociedade sabe que não o foram; depois, disseram que o trabalho conjunto da PF com a Abin é ilegal, quando há regulamentação quanto a isso; agora estão dizendo que a operação era da Abin, órgão incompetente para fazer investigação, quando a investigação pode ser feita até mesmo por “arapongas” de empresas de telefonia(sic)…

    Enfim, não acredito que Deus não esteja por trás disso tudo e que vocês tenham feito algo errado para afundar a Satiagraha.

    Sabemos que ainda muitas mentiras vão aparecer, mas como sempre, elas não possuem sustentação verossímil…, porém a Verdade ao final triunfará, ainda que os culpados escapem da prisão.

    Fé e esperança são virtudes divinas e não se esqueça de que Deus só permite que carreguemos aquela cruz suportável.

    Paciência. O povo acredita em você, na verdade e na Justiça, ainda que a Divina.

     
  119. Ângelo José de Moura

    Protógenes, sou funcionário público do Ministério do Trabalho (agente administrativo). Estou horrorizado, de queixo caído, com a inversão das investigações. Nunca vi isso em toda minha vida. Imagine, o Coringa investigando o Batman. A revista “Veja” não pode mandar no país. Os repórteres que fizeram aquela matéria serão investigados.
    Caminhos a seguir: é preciso criar uma “pecha” algo que grude e faça lembrar um episódio importante. Por exemplo: o presidente do STF deve ser lembrado por todos como o juiz do “solta e larga”, amigo da revista “Veja”. A vez deles ainda vai chegar. Vamos ter calma. Se precisar de apoio conte comigo. Quem sabe o deputado??? Protógenes lá da tribuna ainda vai pedir a reabertura do caso? Não fico calado com isso. Sempre comento nas ruas e menciono o “solta e larga”.
    Estou com você.
    Abraços, Ângelo.

     
  120. Afonso Henriques Vidi

    Grande Delegado Protógenes:

    Vc é probo e honrado, um verdadeiro herói que o Brasil não tem há mais de 1 século; vc é uma espécie de ‘avis rara’ ou pássaro alado em extinção; um homem incansável que vagueou as águas profundas da corrupção brasileira, e, que se afiou na vida combatendo os canalhas corruptos e ignaros impatriotas.
    ‘Prima ictur oculi’,ou seja, à primeira vista, o seu magistral trabalho investigativo, antolha-se ser ‘uma gota d’água pura dentro de um oceano de corrupção’, como diriam os incrédulos não panglossianos.
    Ora bolas,insignificante e pequeno, comparado às coisas maiores, aquelas supostamente mais importantes, que se nos deparamos no dia a dia.
    De fato uma gota d’água ou um grão de areia dentro do mar, aparentemente não é nada; todavia, essa mesma gota, com o passar do tempo consegue escavar e ultrapassar paredões da mais dura rocha, conforme cita em seu magnífico livro, Souza Vidigäll:

    “Gutta cavat lapidem, non vi ,
    sed saepe cadendo”
    (a gota escava a pedra, não pela
    força, mas caindo muitas vezes).

    E continua:

    “Pois,sintam, então,o que essa porção pequenina faz: uma simples gota d’água, não mais no oceano; mas rompendo o mais impenetrável dos granitos.Enfim, certos políticos quando acusados de corrupção, respondem juntando os dedos ‘indicador e polegar, dizendo: ‘isso p’ra mim é café pequeno’…Ainda bem, o pior seria se essas raposas de galinheiros, tivessem o poder de uma gota d’água…”.
    (Apud, Souza Vidigäll, in ‘O Pequeno Grande Livro das Citações Caiporas, pág. 87).

    E a seguir, finaliza:

    “Ao contrário, ao invés da massa ignara, que é a maioria , eleger cidadãos sábios e de reputação moral ilibada, a rigor, elege políticos demagogos, desonestos, inábeis e incompetentes, que sempre sugam a bolsa da viúva, ou seja, o tesouro nacional.Tal é a fragilidade da democracia. Com razão, lembra-se aqui, Capistrano de Abreu, que defendia ‘a tese de que a Constituição Brasileira’, somente necessitaria de um artigo:

    “Art. 1o. Todo brasileiro é obrigado
    a ter vergonha na cara.
    Par.único. Revogam-se as disposições
    em contrário…”.
    (Obra citada, pág. 88).

    Parabéns, Doutor Protógenes, pois, vc é
    o herói que faltava ao Brasil.
    E se algum dia cansar-se da luta, licencie-se, que nós o elegeremos deputado federal por qualquer estado da federação, pq lá no parlamento, com certeza, continuará a sua guerra sem fim!
    Com a minha admiração e os meus cumprimentos:
    Afonso Henriques

     
  121. Aloisio gandra

    Um dia essa quadrilha cairá,entao nos lembraremos de quando foi que tudo começou.

     
  122. Tadeu

    Caro Del. Protogenes! Todos os brasileiros de bem, sabem, tanto quanto vc, que se instalou em nosso país diversas quadrilhas a fim de ROUBAR o eráraio, com sustentáculos em todos os poderes constituídos, para caso haja, como houvera, a necessidade de se acoberterem, basta um telefonema e está tudo resolvido. Como aconteceu quando vc comandou a operação Satiagraha e outras anteriormente efetuada por vc. Pode ter certeza que os brasileiros do bem, estão de olhos abertos e com homens como vc, o seu colega Lacerda e o Juiz F. Sanctis e, tenho certeza que há mais delegados e juizes de vossos quilates, aguardando a oportunidade de agirem a bem da paz,honradez, dignidade,democracia e sobre tudo, COLOCAR ESSA GENTALHA NA CADEIA. Assim, meu querido Del.Protogenes e Juiz Sanctis, Parabeniso-os e peço que não desistam da LUTA, pois em breve a máscara irá cair. Que Deus os abençoem. Abraços fraternal Tadeu

     
  123. CÍNTIA DE FREITAS FERRAZ

    BEM, OS COMENTÁRIOS DA INTERNAUTA JUSSARA, JÁ É O SUFICIENTE PARA TRADUZIR TUDO AQUILO QUE NÓS EXPRESSAMOS DIARIAMENTE EM NOSSO COTIDIANO. COM ISSO, É DE FUNDAMENTAL IMPORTÂNCIA, QUE NÓS PROCUREMOS SEMPRE DESENVOLVER O NOSSO SENSO CRÍTICO DIANTE DA SITUAÇÃO E QUE AQUELES QUE COMANDAM A JUSTIÇA DESTE PAÍS POSSAM NOS RESPEITAR E OUVIR COM MAIS RESPONSABILIDADE OS NOSSOS PROTESTOS. ENQUANTO NÃO DEIXARMOS DE FICAR SÓ ESPERANDO OS MILAGRES ACONTECEREM, ENQUANTO FICARMOS DE BRAÇOS CRUZADOS E ACREDITANDO QUE POR MAIS QUE FAZEMOS CRÍTICAS NÃO VAI ADIANTAR NADA, O NOSSO PAÍS NÃO MUDARÁ!!!

     
  124. Marcelo Palma

    Del. Protógenes,
    Não descanse, não pare, não desista, não esmureça, não perca a fé, não se entregue…
    Nós, povo honesto brasileiro, acreditamos, confiamos e contamos com seus prestimosos trabalhos e juntos sairemos todos vitoriosos nesse embate desigual.
    O bem prevelecerá sobre o mal sempre… nós devemos fazer a nossa parte para que essa crença se torne real!
    Abraços e parabéns por ser quem é!
    Marcelo

     
  125. Rodrigo Ferreira

    Prezado Delegado Protógenes, não é meu costume escrever mensagens em qualquer lugar da web, mas abro um excessão, para render-lhe meus votos de admiração.
    Sinto um enorme pesar no desenrolar desta situação em que o senhor se encontra, mas deixo aqui minha esperança de um dia poder ensinar a meus filhos que ética e justiça não é coisa somente de pobre, pois atualmente o que vemos como exemplo é exatamente isso. É incrivel que hoje em dia o honesto e o probo sejam tão raros. Aprendi com meu avô que ninguém perde nada por agir corretamente e aplico este conceito em minha vida. Espero que sua luta mostre resultados fortes nas próximas eleiçoes, estaremos atentos.

     
  126. Rodrigo Ferreira

    Prezado Delegado Protógenes, não é meu costume escrever mensagens em qualquer lugar da web, mas abro um exceção, para render-lhe meus votos de admiração.
    Sinto um enorme pesar no desenrolar desta situação em que o senhor se encontra, mas deixo aqui minha esperança de um dia poder ensinar a meus filhos que ética e justiça não é coisa somente de pobre, pois atualmente o que vemos como exemplo é exatamente isso. É incrível que hoje em dia o honesto e o probo sejam tão raros. Aprendi com meu avô que ninguém perde nada por agir corretamente e aplico este conceito em minha vida. Espero que sua luta mostre resultados fortes nas próximas eleições, estaremos atentos.

     
  127. George Antonio

    Caro Delegado Protógenes. Quero parabeniza-lo pelo excelente trabalho realizado a frente da operação Satiagraha, que ao que parece, chegou a espinha dorsal da corrupção no Brasil. Meus mais sinceros parabéns e meus votos de apoio. Pessoas como você nos enchem de orgulho.

     
  128. Rivaldo - Salvador

    Prezado delegado,

    Admiro seu trabalho e demais colegas que trabalharam na operação Satiagraha. Acho que todo o trabalho de quatro anos não pode ser perdido e que muitas informações sobre corrupção no país e que apuradas nas investigações devem ser repassadas aos contribuintes brasileiros. Como a PF está refazendo seu inquérito, para retirar informações e documentos e evitar que cheguem ao MPF,sugiro que após o oferecimento da denúncia do MPF ao judiciário,você e demais pessoas que possuam informações, documentos, vídeos, fotos ou áudios sobre corrupção que os divulguem na internet. Há um site cujo, link envio abaixo, que tem a finalidade combater a corrupção nos diversos países. A fonte das denúncias é mantida em sigilo e o site fica hospedado fora do país. Sugiro que o acesse para conhecer e pense na possibilidade de divulgar o que puder, sobre corrupção, na internet.Os blogueiros e demais internautas poderão fazer a divulgação posterior

     
  129. Rivaldo - Salvador

    Prezado delegado,

    Admiro seu trabalho e demais colegas que trabalharam na operação Satiagraha. Acho que todo o trabalho de quatro anos não pode ser perdido e que muitas informações sobre corrupção no país e que apuradas nas investigações devem ser repassadas aos contribuintes brasileiros. Como a PF está refazendo seu inquérito, para retirar informações e documentos e evitar que cheguem ao MPF,sugiro que após o oferecimento da denúncia do MPF ao judiciário,você e demais pessoas que possuam informações, documentos, vídeos, fotos ou áudios sobre corrupção que os divulguem na internet. Há um site cujo, link envio abaixo, que tem a finalidade combater a corrupção nos diversos países. A fonte das denúncias é mantida em sigilo e o site fica hospedado fora do país. Sugiro que o acesse para conhecer e pense na possibilidade de divulgar o que puder, sobre corrupção, na internet.Os internautas poderão fazer a divulgação posterior. O link é o seguinte: wikileaks.org/wiki/Wikileaks:Submissions/pt

     
  130. tereza cristina

    Isto que vemos hoje é uma inversao total de valores:enquanto o investigador faz competentemente seu trabalho e consegue provas cabais sobre o investigado,e no entanto tentam transformar o funcionário público no exercício de suas funcoes em réu e o corrupto/corruptor em vítima mas entendemos que voce comecou a desbaratar uma quadrilha que estava muito próxima do presidente e porisso voce foi desarticulado,mas contamos com sua perseveranca para continuar esta luta que está só comecando

     
  131. Patrick

    Queiro expressar aqui minha solidariedade quanto ao lamentavel episodio de perseguicao do qual voce e alvo…Voce mostrou carater e coragem alem de uma honestidade que nao pode ser questionada… Continua de cabeca erguida enfrentando a mediocridade e a corrupcao.Nao os deixa te fazer de palhaco, nao os deixa nos fazer de palhacos…Eu sou destes muitos que te apoiam silenciosamente com a firma esperanca de te ver derubar a ignoranca e o desprezo.Saira assim engrandecido. Amigo Proto,conta com meu sincero apreco

     
  132. Daniel

    O Gilmar Mendes mostrou explicitamente de que lado ele está. O povo viu tudo e um ministro desses PRECISA ser investigado. Claro, não tem lei pra isso. Um cara desses não pode ficar a frente da presidência do STF em um país cheio de cicatrizes da corrupção, máfias e colarinho branco. Palhaçada. Parece que bandido do colarinho branco tem mais direitos do que os demais cidadãos. Justamente esses que conspiram contra a ordem da sociedade e atropelam tudo que se atravesse no seu caminho. Espero que Daniel Dantas e sua trup sejam detidos e o presidente do STF deposto pois isso não é postura de ministro em um país onde ainda reina a corrupção e a jogatina com as leis. Fica-se na esperança de que alguém em algum dia, promova reformas nos códigos processuais a fim de exterminar esses comportamentos da nossa Nação pois senão nosso desenvolvimento vai ficar ainda mais prejudicado. Ai sempre vai ter um beneficiado no alto escalão do poder e sempre vai aparecer aquela desculpa esfarrapada de que “não está previsto na lei” e assim continua a impunidade. Peço desculpas pelo tom de indignação, mas nosso País tem inúmeras vantagens quanto ao clima, recursos naturais, várias culturas e tal, mas não tem educação. Um forte abraço e segue a torcida de que surjam mais Protógenes e de Sanctis no nosso País. Satiagraha

     
  133. Gonzaga

    É isso ai meu amigo Sr. Delegado Protógenes Queiroz, seja guerreiro pois muita gente esta do seu lado, não fique calado não, qualquer ameaça abra a boca pois somente deste modo você estará protegido, pois você sabe que ladrão não gosta de barulho e nem de ser observado. É por essa razão que afastaram você de seu trabalho. Você chegou perto demais dos vermes que estão espalhados nos Três Poderes. Não confie e nem acredite no que sai da boca do TG Ministro da Justiça e nem o que sai da boca do GM do STF, pois são moscas da mesma carniça de Dantas.
    Sou pobre, cidadão brasileiro e amo aqueles que tem raça e coragem para enfrentar aqueles que gostão de humilhar os mais fracos.

    Deus te abençoe meu amigo pois sua jornada é longa e cheia de espinhos.

     
  134. Paulo Miró

    Na verdade precisamos ter alguém com coragem como o Delegado Protógenes e com a sua determinação para que possamos inverter esse quadro repudiante chefiado pelo Chefe do Judiciário.
    Morei mais de 13 anos nos EUA e estou horrorizado com o Judiciário Brasileiro e com o distanciamento do Judiciário da populaçÃo brasileira. Não podemos colocar os destinos da nação democrática nas mãos de um senhor de engenho ou capataz com toga preta, que investe no bandido e no contraventor e critica e limita a polícia.
    Há que se continuar a reformar o Judiciário, igualando seus salários aos demais poderes, obrigando os juízes a terem um plano de carreira e não sairem ganhando os altos salários deles logo após terem passado num concurso, o que os desestimula para o trabalho e aperfeiçoamento pessoal
    Juízes nos EUA trabalham desde as 9 horas da manhã e dão muitas audiências por dia, desafogando o sistema e ainda lêem os processos como qualquer juiz
    Outro apoio ao Protógenes é que um serviço secreto como a ABIN tem que ter poder de escutar o Supremo mesmo pois não seria nunca concedido uma autorização judicial para ouvir o que lá acontece quando há suspeita de contravenção e sabemos que isso ocorre em todos os níveis.
    Não devemos nos preocupar com nenhum outro poder no Brasil que não o Judiciário, que está na contramão da democracia. Precisamos acabar com tipos como Mendes que ainda estão na época do cangaço….
    Dou todo o apoio e também ao conceito de SERVIÇO SECRETO que deve ter autonomia até com relação ao Presidente da República.
    Só ouvir os serviços secretos dos EUA e Reino Unido.
    Estou a disposição para quaisquer outros apoios.
    Paulo Miró

     
  135. JULIANO BERWANGER

    Não esmoreça estamos com você! Parabéns!

     
  136. Lisia Turra Bocchese

    Coragem Dr. Queiroz.

    As pessoas de bem deste país precisam do seu trabalho.
    Falta muito pouco para este pesadelo acabar. Não esmoreça.
    EStamos rezando pelo SR.
    Um forte abraço
    Lisia

     
  137. Cleusa Marqui Bastos Mello

    Sr Delegado
    Não abaixe a cabeça.O povo brasileiro em sua maioria está com voce.Os que não estão , pode ter certeza são os “corruptos”Dou aula em uma faculdade no curso de direito.Até mesmo os alunos não se conformam com essa situação.Como pode?o investigador passa a ser investigado? Meu caro delegado, qualquer ato é valido para pegar bandido de colarinho branco.Va em frente, voce é um vitoriosa.

     
  138. Cleusa Marqui Bastos Mello

    Sr Delegado
    Não abaixe a cabeça.O povo brasileiro em sua maioria está com voce.Os que não estão , pode ter certeza são os “corruptos”Dou aula em uma faculdade no curso de direito.Até mesmo os alunos não se conformam com essa situação.Como pode?o investigador passa a ser investigado? Meu caro delegado, qualquer ato é valido para pegar bandido de colarinho branco.Va em frente, voce é um vitorioso.

     
  139. Júlia

    Fico triste pelo fato da maioria da população brasileira ter como “única” fonte de informação a TV, especialmente, a Globo…E os que fazem assinatura, lêem a Veja. Como é difícil “esclarecer” os fatos. Digo isso, porque acompanhei esta operação e ouvi os noticiários dos jornais da TV. Nenhum diz,com clareza, os fatos. Falam visando a audiência, não informar as pessoas a realidade dos fatos. Torço por vc!! Achava que a PF fosse um órgão “unido”. Os juízes se mostraram “mais” unidos em relação ao juiz. Gostaria de pedir a vc que não entre na política, ela não lhe merece. Boa sorte!!

     
  140. Odair Jose Luciano

    Sr. Delegado

    Como brasileiro tenho orgulho que entre nós ainda existam pessoas que tem a coragem de enfrentar um sistema corporatisvista e corrupto.
    Continue sendo exemplo
    O senhor se meteu num vespeiro, com interesses manipulados.
    Entretanto foi tremenda a minha satisfação do Judiciário dizer um não ao Supremo…Ah! Como isto valeu…
    Sabemos que o Supremo é uma farsa. Farsa composta por homens indicados por políticos.
    É uma pena que na última instância caimos nas mãos destes senhores…
    Lá deveriam somente ser ocupados por juizes, cuja vida fossem ilibadas, e não gente que teve uma carreira defendendo interesses escusos…Como estas pessoas vão discernir o que é justo e correto, se a vida toda fez isto de forma profissional mendiante remuneração para proteger interesses não muito claros…
    Boa sorte.
    A sua postura é muito importante para mudarmos conceitos deste nosso Brasil.

    Estou solidário ao senhor
    Eng. Odair José Luciano

     
  141. junior

    Em um pais onde o seu Presidente que não é justo e nem perfeito, nunca sabe de nada, é o ultimo a saber de tudo, anda com um bando de corrupitos do seu lado, trata o dinheiro puplico como fosse seu, gastando sem prestar contas a ninguem,um Senado e uma Câmara de Deputados Federais e Estaduais que só executam e legislam em causa propria nuca para o povo, um pais que permite que suas riquezas sejam roubadas,suas fronteiras invadidas, seu povo penalizado com impostos usurpantes,falta saúde publica decente deixando seu povo morrer em filas ou jogados em corredores
    não tem uma rede de ensino decente, tem uma polícia que anda com as mãos amarradas,é um governo que esta avacalhando seu povo pagador de impostos, não defende sua soberânia com seus visinhos que acampam refinaria de gas, tentam romper contratos de fornecimento de energia elétrica,agora o Equador também se acha no direito de não pagar o BNDS, então meus irmãos o que esperar de uma situação como esta, que aconteceu ha um delegado federal de carater que esta sendo penalizado por exercer a função para o qual é remunedo,porque mexeu com a tal elite tão criticada por nosso Presidente;Estamos aqui de pé e solidários com você delegado Protógenes Queiroz

     
  142. Janaina Bazaine

    Caríssimo Protógenes,
    É com imenso apreço e respeito que aqui blogo essa mensagem. Mensagem que vem carregada de sentimentos(força, fé, admiração, combate, caráter…) revivados pelo contato com sua presença na palestra em Goiânia(09/12/2008). Para mim foi emocionante ouvi-lo e ver o quão precioso é a sua atuação no combate a toda essa vergonha que se instalou no país. Em gratidão às suas palavras, deixo as minhas. Para mim o senhor será um exemplo… de dignidade e de honra. Enquanto aqueles que invertem os valores que deveriam prevalecer, aqueles que usam do poder de que estão investidos, aqueles que não possuem escrupulos, que ao invés de se posicionarem ao lado do interesse coletivo só pensam na lucratividade, aqueles que deveriam julgar decentemente e não o fazem, enfim, todos aqueles em que faltam uma consciencia de responsabilidade, a esses presto a toda a minha repúdia. Infinita força e luz em seu caminho.

     
  143. Marco Oliveira

    Olá Delegado Queiroz

    Tive a satisfação de assistir sua entrevista na Record News. Talvez no Brasil sua manifestação seja interpretada sob a má expressão de “espalhar no ventilador”. Num país realmente livre seria considerada um serviço público indispensável e irrecusável de ser atendido.

    Você e o juiz De Sanctis estão cumprindo papéis amargos, mas tenho a esperança que representem conquista de degrau precioso na cidadania e nos valores republicanos do país.

    Parabéns

     
  144. Gilberto Melo

    Parabéns Dr. Protógenes.

    São de homens como o senhor que nosso país precisa. Nós, cidadãos de bem estamos do seu lado.
    Grande abraço….
    Gilberto Melo e família

     
  145. ALBERTO JOSÉ CAVALCANTI BASTOS DE FIGUEIREDO

    Dr. Protógenes;
    Estive em sua palestra/ debate ma OAB /PE, sou aquele sujeito que lhe perguntou se já havia fertilizante para a semente que o senhor plantou.
    O companheiro do motorista do seu taxi (ensino médio), o senhor pode se perguntar o que estava fazendo entre advogados, estudantes de direito e delegados um cara de cultura mediana, primeiro inteligência nada tem a ver com cultura, patriotismo pior ainda e como já luto a três anos contra a maré passei a representar uma entidade ainda em vias de legalização de combate a corrupção Movimento Mãos LImpas Brasil. Minha cidade (Cabo de Santo Agostinho) onde corrupção é uva em parreiral, por valorizar seu trabalho e a forma honra que conduz as coisas, lá estive, preciso de alimento para continuar a lutar e crer e suas palavras fizeram efeito.
    Mais a razão deste é parabenizá-lo e dizer que a semente plantada tem tudo para eclodir, vamos fertilizá-la com o adubo da ética e da moral.
    Sempre as suas ordens!

     
  146. Marilda Conceição de Oliveira

    Delegado Prostógenes, o povo brasileiro necessita de homens honestos,constantes,sem partidarismo para defendê-los como o senhor e o ilústre Dr. Paulo Lacerda; quando nos deparamos com servidor da Lei acompanhando qualquer político nos amedrontamos; porque o Brasil é rico pela natureza e pelo PIB”povo trabalhador” mas, mal administrado.Já de longa data descobriram que às telecomunicações éra um grande “meio” agora partirão para o “solo” assim acabarão com nossas riquezas ficando o povo brasileiro desprotegido; o Congresso Nacional aprovou o
    Pré Sal (ainda bem que não aprovou o dinheiro)
    mas não aprovou o projeto 549 Justiça,MPF,PF
    aí sim, o senhor o Sr. Paulo Lacerda poderão
    atuar equipe com autonômia para enfrentar toda
    operação desfavorável para nosso país. Desejo ao senhor Feliz 2009 com paz,saúde,Ave Maria e
    muita Fé.

     
  147. Danúbia Guerreiro

    Dr. Protógenes!

    Parabéns pela coragem de nadar contra a corrente no mar da corrupção. Moro no Tocantins e já sofri horrores:ameaças, violência física e verbal, confesso que tive vergonha de ser brasileira. Sou nordestina sobrevivi a fome, a seca mais nada se compara a dor da impunidade. O Senhor trouxe honra ao país, minha filha de 13 anos passou no vestibular para: administração(1.º)lugar, Odontologia(9.º)lugar, criou há três anos o SER (sociedade, educação e respeito), fala com orgulho das suas ações,hoje seu nome é conhecido na pequena cidade de Araguaína como alguém que poderia ceder, mas que faz a diferença, pois o Senhor é Homem de fé e Aristóteles já dizia “a coragem é a primeira das qualidades, porque garante as demais”. Nossa matriarca FRANCISCA GUERREIRO DO VALE(faleceu em 08/02/09)rezou pela sua vida Doutor e agradecia a Deus existirem no Brasil homens como o Senhor.

    Com carinho e respeito,

    Danúbia Guerreiro

     
  148. Luíz

    Dr. Protógenes, penso que já está na hora de as Forças Armadas Brasileira fechar este congresso de picaretas, de bandidos. Como é que pode a filha de um sujeito tranvestido de senador fazer uma conta de R$ 13.000,00 e quem paga esta conta somos nós contribuintes. Estes bandidos não têm escrúpulos, pois são os mesmos que fazem leis para lhes beneficiar, assistí sua audiência na CPI do senado agora em Abril e o que me chamou atenção é que os seus inquesitores (me pareceu) estavam mais preocupados em defender o Daniel Dantas do que defender a nação Brasileira, demonstrando desta forma pura inversão de valores, pois se fossem sérios, seriam os primeiros a lhe apoiar. Parabéns Dr. Protógenes pela sua firmeza e determinação, saiba que o senhor não está só nessa barca furada, o povo brasileiro todo lhe apoia e têm nôjo desse congresso de picaretas, de promiscuidade com o errado.

     
  149. Luíz

    BRASIL!!!! Verás que o Dr. Protógenes não foge à luta!

     
  150. jeferson

    Diante de tudo isso tiro a seguinte conclusão: “o dinheiro faz a força”, pois se fosse a união, o Dr. Protogenes, não estaria sofrendo tanta represalias, afinal o povo está do seu lado!!!!!Força dr., o mal esta com os dias contados

     

Adicionar um comentário


Últimas Notícias

“SE O ESPINHO NOS E DADO NÃO PODEMOS MAIS CALAR”

  Parafraseando… ” SE O ESPINHO NOS E DADO NÃO PODEMOS MAIS CALAR” O jornalista Paulo Henrique Amorim hoje ...

Protógenes Queiroz fala sobre o atentado contra a vida de Jair Messias Bolsonaro no dia 06/09/2018.

Protógenes Queiroz fala sobre o atentado contra a vida de Jair Messias Bolsonaro no dia 06/09/2018.

Dep. Federal Cabo Daciolo denuncia fraude nas urnas eletrônicas.

FRAUDE NAS URNAS ELETRÔNICAS ANISTIA AO DELEGADO DA POLÍCIA FEDERAL, PROTÓGENES QUEIROZ. “…Não há nada escondido que não venha ...

Facebook
Twitter